Diretora de escola perde cargo depois de aparecer em clipe picante de rapper

A participação de Esther Adler-O'Keefe é mínima, mas foi o suficiente para sua demissão

Por fernanda.macedo

EUA - Uma diretora de uma escola nos Estados Unidos perdeu o emprego depois de aparecer em clipe com cenas picantes do rapper americano Trey Songz. Segundo o Southampton Press, autoridades locais entenderam que a presença de Esther Adler-O'Keefe em um vídeo que há consumo de bebidas alcoólicas, drogas e mulheres de biquíni não condiz com o cargo que ela ocupava.

A participação de Esther Adler-O'Keefe é mínima, mas foi o suficiente para sua demissãoReprodução / Youtube

De acordo com o Wall Street Journal, Esther Adler-O'Keefe, que trabalhava em uma escola de ensino médio, atuou no clipe como uma mulher que sai de férias com o marido e deixa Trey Songz cuidando da casa. A participação da mulher é mínima, mas foi o suficiente para sua demissão.


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia