Imprensa internacional repercute operação da Lava Jato contra Lula

Desdobramentos da nova fase podem ser catastróficos e acabar com qualquer chance de o ex-presidente se candidatar novamente ao cargo em 2018

Por bianca.lobianco

Rio - A condução coercitiva do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva na manhã desta sexta-feira pela Polícia Federal em nova fase da Lava Jato repercutiu na impresa internacional. O "The New York Times" classificou o episódio como o mais dramático da operação Lava Jato.

Imprensa Internacional repercute operação da Lava Jato contra Lula Reprodução Internet


Já o "El País" destacou o grande passo da investigação no esquema de corrupção que envolve a Petrobras. Segundo o jornal, os desdobramentos dessa operação podem ser "catastróficos" para o governo e, principalmente para Lula, que tinha a intenção de se candidatar novamente à presidência em 2018.

LEIA MAIS:

Lula é levado pela PF para prestar depoimento em nova fase da Lava Jato

Oposição avalia que 'governo acabou' e quer convocar Lula para depor na Câmara

Lula não está 'imune à investigação', diz Juiz Federal Sergio Moro em despacho

PT considera Lula preso político e pede reação: 'Não podemos deixar barato'

Presidente do PT convoca reunião de emergência após operação contra Lula

Imprensa internacional repercute 24ª fase da Operação Lava Jato contra o ex-presidente LulaReprodução Internet
O 'The New York Times' considerou o momento mais dramático desde quando Polícia Federal começou a investigar o esquema de corrupção Reprodução Internet


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia