Eduardo da Silva Vaz: Um pediatra para chamar de seu

O pediatra está em constante aperfeiçoamento e mantém-se atualizado para oferecer uma assistência ampla e completa

Por felipe.martins , felipe.martins

Rio - Durante a gravidez, surge a dúvida: como escolher o médico que vai cuidar da preciosa vida que está para começar? A decisão está longe de ser simples. Afinal, o pediatra será responsável por tratar da saúde de quem nasce, desde o último trimestre da gravidez até ele completar 19 anos. Alguém com quem a família vai criar uma relação muito especial. Ele estará entre os primeiros nomes da agenda, com o número do telefone grudado na porta da geladeira, para aqueles “casos de emergência”, que tanto angustiam pais e mães em momentos de aperto.

Sorte daqueles que têm um pediatra “da família” — que cuidou da mãe, da tia e agora vai cuidar do mais novo integrante. Mas, independentemente da situação ou da idade da criança, ao escolher um pediatra para ‘chamar de seu’ é fundamental desenvolver a identificação e a confiança, assim como a ciência de que trata-se do médico que se especializou em fase tão ampla quanto fundamental, que vai de zero a 19 anos.

Os problemas mais comuns na infância e na adolescência mudam, a medicina avança com grande velocidade e complexidade, e o pediatra do século 21 não está atento apenas às doenças tradicionais, mas à identificação de várias consequências da vida moderna, prevenindo e promovendo saúde para toda a vida. A titulação, pela Sociedade Brasileira de Pediatria, é um indicativo de que o pediatra está em constante aperfeiçoamento e mantém-se atualizado para oferecer uma assistência ampla e completa.

Além disso, a entidade oferece constantemente diversos cursos e eventos e, de dois em dois anos realiza, em parceria com as filiadas nos estados, o Congresso Brasileiro de Pediatria, que possibilita intensa troca de experiências e aquisição de novos conhecimentos, com palestras e mesas-redondas com profissionais de todo o Brasil e do exterior. Toda essa busca pelo aperfeiçoamento profissional tem um foco: a saúde da criança e do adolescente. Afinal, mais do que nunca, os pequenos e os jovens são sinônimo de presente e de futuro, para todo o país.

Eduardo da Silva Vaz é presidente da Sociedade Brasileira de Pediatria

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia