Mais Lidas

Grupo de oito pessoas se perde no Parque Estadual da Pedra Branca

Serviço de guarda-parque da unidade é responsável por resgate

Por cadu.bruno

Um grupo de oito pessoas que se perdeu na manhã deste domingo no Parque Estadual da Pedra Branca (PEPB), na Zona Oeste, foi resgatado pelo serviço de guarda-parque da unidade.

Liderado pelo sargento reformado da Polícia Militar Dorival Couto dos Santos e por mais sete menores, entre os quais dois filhos e sobrinhos do sargento, o grupo pretendia fazer uma caminhada até a Pedra Jesus Vem, em Realengo, situada a cerca de 600 metros de altitude.

O grupo entrou pelo parque por uma trilha alternativa, também em Realengo, mas não conseguiu encontrar o caminho correto. O pedido de socorro, feito através do 193, foi encaminhado ao quartel dos bombeiros em Realengo, que acionou o serviço de guarda-parques.

O sargento e os menores foram localizados pouco antes das 11h e conduzidos até o Núcleo Piraquara do PEPB, onde uma ambulância os esperava. Não houve feridos e o grupo terminou sendo liberado a seguir.

Administrado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), o Parque da Pedra Branca é a maior floresta urbana do mundo, com 12,3 mil hectares. Abrange o Maciço da Pedra Branca, na Zona Oeste do Rio de Janeiro e nele podem ser encontradas várias trilhas, com variados graus de dificuldade.

O parque possui três núcleos (Pau da Fome e Camorim, em Jacarepaguá, e Piraquara, em Realengo), por onde os visitantes são orientados a iniciar seus passeios para evitar o risco de desorientação no meio da mata.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia