PM é assaltado após tentar impedir ação de bandidos na Urca

'Ele deu sorte de não morrer', disse colega

Por O Dia

Rio - O segundo-sargento da PM do 2º BPM (Botafogo), conhecido como Ogmarcio, fazia uma ronda na Rua Ramon Franco, a bordo de um carrinho de mini-golfe, quando bandidos armados em um Renault Mégane prata tentaram assaltar uma produtora de vídeo na esquina da Avenida Pasteur, na Urca, Zona Sul do Rio.

O segurança da loja alertou o PM, que foi abordado em seguida pelo trio de criminosos, que apontaram a arma para sua cabeça e retiraram suas duas armas, uma pistola 40 da corporação e uma pistola 9mm. O crime aconteceu à 500 metros da cabine da polícia no local.

Policial do 2º BPM (Botafogo) estava a bordo de carrinho e fazia rondaUanderson Fernandes / Agência O Dia

Os suspeitos fugiram com o carro e abandoram o veículo próximo à ladeira do Shopping Rio Sul, em Botafogo. Um colega que não quis se identificar contou que é comum que um PM esteja na cabine da polícia e dois no carrinho fazendo ronda, o que não ocorreu no caso. "Ele deu sorte de não morrer, foi uma ação rápida", disse o policial.

Uma testemunha disse que achou "a ação surreal, incomum ver um policial sendo roubado. Logo após o crime, o PM colocou a mão na cabeça, não acreditando na cena", relatou.

O caso é investigado pela 10ªDP (Botafogo).

Últimas de _legado_Rio