Operação da PM em Niterói termina com quatro presos

Operação nas favelas Estado, Garganta, Palácio e União foi uma resposta ao ataque dos bandidos a um policial do Batalhão de Choque, baleado na última terça-feira

Por O Dia

Rio - Policiais do Batalhão de Choque (BPChq) prenderam, nesta quarta-feira, quatro pessoas, durante operação que mobilizou 150 PMs nas favelas Estado, Garganta, Palácio e União, em Niterói, Região Metropolitana do Rio. A ação que visa reprimir o tráfico de drogas também foi uma resposta ao ataque dos bandidos a um policial do BPChq, baleado na última terça-feira, no Morro do Céu.

Wanderson Rodrigues Andrade, de 24 anos, Carlos Wanderson Antunes de Carvalho, 25 anos, e Maria Joyce Ribeiro dos Santos, 27 anos, foram levados para a a 76ª DP (Niterói). De acordo com os PMs, eles estavam dormindo dentro de uma casa na comunidade e não reagiram. Os acusados foram presos em flagrante. Junto com eles foram apreendidos uma pistola Glock 45, oitos cápsulas, dois celulares com mensagens alertando da operação e um rádio transmissor.

Policiais também prenderam por associação ao tráfico Márcio Silva de Azevedo Coutinho, mais conhecido como Fortão, no Morro do Palácio. Ele já tinha cinco mandadoS de prisão e também foi encaminhado para a 76ª DP.

No Morro da Garganta, outro grupo de PMs prenderam um suspeito ainda não identificado e apreenderam 750 tabletes de cocáina e 55 de maconha.

Últimas de _legado_Rio