Há retenção no primeiro dia útil após as novas intervenções na Avenida Brasil

Motorista encontra dificuldade na região onde interdição foi ampliada, embora bloqueio seja apenas de meia faixa

Por tiago.frederico

Rio - Motoristas enfrentam retenções na Avenida Brasil, em direção ao Centro do Rio, nesta segunda-feira, o primeiro dia útil após a Prefeitura ampliar o trecho interditado para obras do BRT Transbrasil. No sábado, subiu para 1,6 quilômetro a área de bloqueio para as obras do corredor expresso. O fechamento de meia faixa da pista central, sentido Centro, que antes ocorria apenas em Manguinhos, agora vai até o Caju, na altura da passarela 4. O resultado é uma retenção em todo o trecho de bloqueio.

Obras fecham Avenida Brasil e trânsito deve piorar a partir desta segunda-feira

Em outras regiões da Avenida Brasil, motoristas também encontram lentidão, como em Irajá e Olaria. Contudo as condições de tráfego na via expressa devem ficar piores na parte da tarde, pois no sentido Zona Oeste, a obra interdita duas faixas de rolamento naquele trecho. Neste sentido, há lentidão nesta manhã, porém reflexo de um atropelamento envolvendo um ônibus e uma moto na pista central, altura de Benfica. Os veículos já foram retirados, mas há ainda retenção na região, com reflexos até o Caju.

Bombeiros do quartel do Caju informaram que a vítima, identificada como Alcio José dos Santos, de 41 anos, foi encaminhada para o Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro. Seu estado de saúde é desconhecido.

Segundo o Centro de Operações da Prefeitura carioca, algumas regiões da Zona Norte e do Centro foram impactadas com o acidente, como São Cristóvão e a área da Leopoldina. Como opção, os motoristas que seguiam para a Baixada Fluminense e a Zona Oeste tinham a Linha Vermelha, que apresentava trânsito bom.

Reforço no Cocotá

Para atender a um possível aumento de demanda na Ilha do Governador, a CCR Barcas informou que está trabalhando com o efetivo operacional reforçado no Terminal Cocotá, com embarcações tradicionais de dois mil lugares, viagens extras caso haja necessidade e postos avançados do estaleiro em todas as estações para dar mais agilidade ao processo de manutenção das embarcações.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia