Idosa tem fratura exposta após prender o dedo em trem da SuperVia

Secretaria de Estado de Saúde disse inicialmente que mulher havia perdido o dedo, porém voltou atrás e corrigiu informação

Por tiago.frederico

Rio - Uma idosa sofreu uma fratura exposta após prender o dedo em uma composição da SuperVia, no ramal Santa Cruz, na manhã quarta-feira. Inicialmente, a Secretaria de Estado de Saúde havia informado que Lídia S. Fonseca, de 68 anos, tinha amputado um dedo da mão esquerda, porém, por volta das 12h20, voltou atrás e corrigiu a informação. Ainda de acordo com a secretaria, a idosa deu entrada no centro cirúrgico do Hospital Estadual Rocha Faria, em Campo Grande, e seu quadro de saúde é considerado estável.

O acidente ocorreu na estação Campo Grande, por volta das 5h. Lídia prendeu o dedo na porta de um trem que seguiria para Santa Cruz, após embarcar em Santíssimo . De acordo com a SuperVia, a vítima acionou agentes da empresa, que acionaram os bombeiros do quartel de Campo Grande.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia