Destaque do atletismo de Belford Roxo

Atleta juvenil está buscando um bicampeonato estadual

Por aline.cavalcante

Ela já foi campeã estadual de atletismo Cross Country Juvenil Feminino , em 2015, modalidade praticada em terreno não pavimentado, campeã estadual nos 3,5 Km na corrida de atletismo e é a 5ª colocada no Brasil do Cross Juvenil Feminino. Aos 18 anos, a jovem iguaçuana Glauciele de Oliveira de Souza tem um sonho: as Olimpíadas.

Todos os dias a rotina da atleta se repete. Ela treina na Vila Olímpica de Belford Roxo, na Vila Olímpica de Nova Iguaçu e na rua. São três horas por dia, seis vezes na semana, às vezes duas ao dia, de treinamento intenso.

O técnico Carlos Fernando garante: Glauciele é uma atleta disciplinada e com grande potencial. “Ela é muito focada, treina pesado. Nosso objetivo é chegar ao campeonato Sul- Americano e ela tem potencial para isso”, diz.

A maratona de treinos tem surtido efeito. Em dezembro do ano passado, Glauciele baixou seu tempo recorde durante o Desafio Corrida de Rua, em Teresópolis, chegando à marca de 21 minutos e 40 segundos, na corrida dos 6 Km.

O primeiro título veio bem cedo. Aos 12 anos, a atleta ganhou o campeonato estadual de Jogos Estudantis, e, em seguida, foi campeã brasileira de atletismo, no Interclubes Mirim, no Paraná.

No ano passado a classificação para a Sul-Americana bateu na trave. As quatro primeiras colocadas da competição, no brasileiro, seriam classificadas, Glauciele ficou em 5º lugar. “Chegamos bem perto. Este ano ela será classificada”, enfatizou o técnico.

Os títulos acumulados na carreira custaram muitas privações, mas ela não reclama. “Tive que abrir mão de muita coisa para chegar até aqui. Durmo cedo, me alimento bem e treino muito. As meninas da minha idade vão para a balada, mas eu estou focada no meu sonho. Vale a pena o sacrifício”, afirma.

No dia 14 de fevereiro ela vai disputar o bicampeonato estadual do Cross Country Juvenil, no campo de Gericinó, em Deodoro. Já no dia 21 será a disputa do campeonato Brasileiro, em São Bernardo do Campo, em São Paulo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia