Festa de Iemanjá será realizada no próximo domingo em São Gonçalo

O evento terá início às 10h e às 11h acontece a procissão para entrega dos presentes oferecidos à entidade

Por vinicius.amparo

Rio - Um dia de alegria e muita devoção para saudar a “Rainha do Mar”. É neste clima que será realizado o “6º Presente de Iemanjá”, que acontece no próximo domingo (08), na Praia das Pedrinhas, em São Gonçalo. O evento, que conta com apoio da secretaria municipal de Turismo e Cultura (SMTC), terá início às 10h. A entrada é gratuita e a classificação etária é livre.

Os presentes que serão oferecidos durante a procissão serão arrumados, logo pela manhã, por babalorixás e Ialorixás. Por volta das 11h, haverá a procissão para a entrega dos presentes oferecidos à Iemanjá e aos ancestrais da mãe África em meio a agradecimentos, pedidos e orações. Além do cerimonial, a programação, que deve seguir até às 16h, conta com apresentações de jovens de matrizes africanas com coreografias, dança e capoeira. No palco haverá show de Danilo Dourado, o forró de Seu Ivo e o pagode do grupo Ritmo Brabo!

Festa de Iemanjá este ano também acontecerá na Praia das PedrinhasDivulgação

De acordo com a presidente da Comissão Organizada de Povos Tradicionais de Matrizes Africanas do Presente de Iemanjá de São Gonçalo, Mãe Márcia D´Oxum, todo material utilizado na construção dos presentes de Iemanjá é biodegradável.

“É importante pensar de maneira ecológica e se Iemanjá é água e água é um bem sagrado, nós devemos preservar, manter a praia limpa. Tudo precisa se decompor na natureza. Nós utilizamos papel, tecido e material orgânico. Os barquinhos são de papel e goma, os apetrechos são de papel e tecido, as vasilhas são de papel, utilizamos pedras e conchas na ornamentação, alimentos, frutas e flores que se decompõem na natureza. Temos todo o cuidado de utilizar material biodegradável”, ressaltou Mãe Márcia D´Oxum.

Apesar do dia de Iemanjá ser comemorado em 02 de fevereiro (segunda-feira), a festa em São Gonçalo é tradicionalmente realizada no domingo após o dia 02. De acordo com Mãe Márcia D´Oxum, a festa acontece no fim de semana para facilitar o acesso de um maior número de pessoas ao evento, já que muitos trabalham durante a semana e não poderiam estar presente às devoções. Cerca de duas mil pessoas são esperadas para a festa. A orientação é de que os participantes levem uma flor branca para saudação à “Rainha do Mar”.

De acordo com o secretario de Turismo e Cultura, Michel Portugal, o município apoia a liberdade de expressão e de religião. “Nós apoiamos toda a manifestação autentica do povo, seja ela artística cultural ou religiosa. É importante que a secretaria esteja sempre com as portas abertas para toda a expressão cultural e entendemos a festa de Iemanjá como uma manifestação da cultura de matrizes africanas e todos nós temos descendência africana. O prefeito Neilton Mulim nos dá esse respaldo e entende que há de se ter respeito a todas as religiões. Além de ser uma atividade cultural, a festa de Iemanjá atraí turistas, que conhecem um de nossos mais belos cartões postais, que é a Praia das Pedrinhas e levam uma bela imagem de São Gonçalo ”, reiterou o secretário.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia