Professora de Cabo Frio é selecionada para Feira Nacional de Matemática

Elizabethe Pinheiro é a única representante do Estado do Rio de Janeiro a participar da Feira, que acontece em Jaraguá do Sul (SC)

Por lucas.freitas

Cabo Frio (Rj) - A professora Elizabethe Gomes Pinheiro estará representando o Estado do Rio de Janeiro na IV Feira Nacional de Matemática em Jaraguá do Sul (SC). Ela é formadora do Centro de Estudos em Educação Natalia Caldonazzi, do Departamento de Formação Continuada da Secretaria de Educação (SEME), que está apoiando a profissional. O evento começa nesta quarta-feira (15/7) e vai até sexta-feira (17/7).

Em sua quarta edição, a Feira de Matemática é um programa de incentivo ao estudo e pesquisas em todas as fases do aprendizado dos estudantes, orientados por professores nos espaços escolares. Ao todo, representantes de 15 estados brasileiros participarão da feira.

A formadora, conhecida carinhosamente pelos colegas como “Bethemática”, desenvolve projetos na área apresentando-os, não só na Casa do Educador, para os professores da Rede Municipal de Cabo Frio, como também para instituições particulares de Ensino, diversas feiras e encontros sobre o tema. Ela vem desenvolvendo um trabalho que visa desmistificar a Matemática como uma das grandes vilãs da garotada. Para isso ela investe em jogos educativos, com muita criatividade e diversão, que prendem a atenção dos alunos e facilitam o processo de ensino-aprendizagem da disciplina.

A professora selecionou cinco de seus kits para apresentar na feira, sendo um para cada ano de escolaridade do Ensino Fundamental do primeiro segmento. Os kits contêm Fichas de Cálculo, Jogos Convencionais, Gira-Gira, entre outros. Dentre os trabalhos selecionados, está o “Adedanha Matemática: uma visão na sala de aula” – um jogo que já está sendo aplicado experimentalmente na Rede Municipal de Cabo Frio. O objetivo é apresentar uma alternativa focada para a Matemática no Ensino Fundamental. O jogo é visto pelos alunos como uma simples brincadeira, mas na verdade é um recurso didático facilitador no processo de fixação das operações fundamentais que estimula o gosto pela matemática e desperta interesse pelos cálculos.

Além da Feira Nacional, Elizabethe participa também do XI ENEM – Encontro Nacional de Educação Matemática, que será realizado ainda neste mês na Pontifícia Universidade Católica (PUC) de Curitiba. O evento já conta com mais de 3,5 mil inscritos.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia