Deputado Samuel Malafaia é autor de projeto de lei sobre diabetes.
Deputado Samuel Malafaia é autor de projeto de lei sobre diabetes.Priscila Rabello
Por Nuno Vasconcellos
A Alerj acolheu o projeto de lei do deputado Samuel Malafaia que estabelece que os laboratórios de análises clínicas, públicos e privados, devem ser obrigados a notificar a Secretaria de Estado de Saúde quando detectarem alteração da hemoglobina glicada em seus clientes ou pacientes. Se aprovado, consiste em importante avanço para detecção precoce do diabetes. A consultora e advogada Diana Rodrigues, especialista em Privacidade e Proteção de Dados, alerta para a importância de atentar para a legislação já existente que trata dos limites da individualidade. A Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) foi criada em 2018 com o objetivo de proporcionar ao cidadão brasileiro um controle maior sobre o tratamento de seus dados pessoais. Para isso, a LGPD estabelece princípios e cria regras que devem ser observados tanto por organizações privadas quanto públicas, além de criar a entidade reguladora específica para o tema, a Agência Nacional de Proteção de Dados - ANDP.

CUIDADOS

O projeto de lei do deputado Samuel Malafaia objetiva criar um indicador estatístico, através das notificações da doença, pelos laboratórios de análises clínicas, que poderá ser utilizado para propor políticas públicas de saúde no combate à prevenção e tratamento da diabetes. Segundo a justificativa do projeto de lei, de acordo com a Sociedade Brasileira de Diabetes, foram gastos aproximadamente 50 bilhões de dólares no tratamento da doença. Ocorre que estes dados que os laboratórios deverão enviar à Secretaria de Saúde são considerados sensíveis, e que possuem uma proteção especial na LGPD. De acordo com o substitutivo proposto pela Comissão de Constituição e Justiça da Alerj, seu art. 3º prevê a adequação, quando este determina que os dados a serem repassados ao Estado devam respeitar as disposições contidas na LGPD. Os legisladores fluminenses precisam estar atentos para que seus projetos estejam em conformidade com a LGPD, uma lei geral federal.
Importação de vacinas
Publicidade
As prefeituras de Niterói e Maricá entraram com ação na Justiça contra a Anvisa pelo atraso na importação da vacina Sputnik V, que foi adquirida pelas duas. Na ação, a procuradoria dos dois municípios solicita que o juiz autorize importação independentemente do parecer da agência e que seja emitida a autorização excepcional de uso e importação da vacina. 
Ou um ou outro
Publicidade
Para o deputado federal David Miranda (PSOL), o ministro Ricardo Salles e o meio ambiente não combinam. "Não tem discussão: Ou fica o Meio Ambiente, ou fica Ricardo Salles. Os dois não dá! Salles foi colocado estrategicamente no cargo de ministro para 'passar a boiada'". 
Corte dos gastos
Publicidade
A deputada Adriana Balthazar (Novo) chegou aos 100 dias de mandato economizando 75% dos recursos disponíveis para conduzir as atividades do gabinete, com economia de R$ 1 milhão nos três primeiros meses na Alerj. Dos R$ 1.339.507,08 à disposição, usou apenas R$ 336.740,46.