‘Domingos Verdes’ promove encontro de blocos no Aterro do Flamengo

Iniciativa tem o objetivo de conscientizar as pessoas para a “privatização” do espaço público

Por roberta.campos

Rio - A alteração do Parque Público do Flamengo (com a derrubada de cerca de 300 árvores) fez com que uma turma de artistas do Rio se mobilizasse. A ideia do evento ‘Domingos Verdes’, que ocupa a Marina da Glória neste domingo, é conscientizar as pessoas para a “privatização” do espaço público.

“Os procedimentos usuais não foram respeitados”, diz Geraldo Junior, criador do grupo Terreirada Cearense, que divide o palco com a Orquestra Voadora, o Blocato, e o Samba Nonsense. “Ficamos muito tristes com essa situação, até porque as árvores foram derrubadas e nem foi cogitado que fossem para outro lugar. Vamos discutir a questão do espaço público lado a lado com a arte gratuita e de rua, de qualidade.”

Nascido no Ceará, na região do Cariri, e morador do Rio há sete anos, Geraldo conta que o evento não tem só música. “Tem vários outros artistas e reunimos uma turma que já atua nas praças e parques do Rio”, conta. Até o show, daqui a dois dias, muita coisa vai mudar, e outros blocos vão confirmar suas presenças no ato público.

Terreirada Cearense (com Geraldo Junior à frente)%3A grupo se apresentam na Marina domingoReprodução Internet

SERVIÇO:
MARINA DA GLÓRIA. Avenida Infante Dom Henrique s/nº, Glória. Domingo, às 17h.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia