'Me fez ser demitido', Leo Dias volta a expor Anitta após ser impedido pela Justiça

Jornalista falou sobre a cantora após Ludmilla expor briga entre as duas

Por IG - Gente

Leo Dias e Anitta
Leo Dias e Anitta -
Mesmo após ser impedido pela justiça de falar de Anitta, o jornalista Leo Dias voltou a citar a cantora na tarde desta segunda-feira em seu Twitter. O colunista, que foi demitido do portal UOL e que agora está no Metrópoles, voltou a tocar no assunto depois que Ludmilla publicou em seu Instagram a briga com Anitta.
"A cada dia vejo surgir uma nova Ludmilla, que me dá tanto orgulho", comentou Leo. Logo depois, o jornalista fez uma série de tuítes alfinetando Anitta. "É sabido que a lei do silêncio impere no meio artístico. Durante todo esse tempo, ela manteve-se calada. Depois que Anitta mentiu e tentou acabar com a minha carreira, MUITA GENTE percebeu que o silêncio não é o caminho para combater o mal".
É sabido que a lei do silêncio impere no meio artístico. Durante todo esse tempo, ela manteve-se calada. Depois que Anitta mentiu e tentou acabar com a minha carreira, MUITA GENTE percebeu que o silêncio não é o caminho para combater o mal

"Anitta mentiu sobre mim mas não tem coragem de falar dos artistas. Bater no jornalista é fácil. Enfrentar alguém na mesma posição é diferente", continuou. E ele envolveu mais gente na treta: "Eu tenho certeza de que a estrategia de inventar aquilo sobre mim não partiu da Anitta. Mas sim de seu assessor, Paulo Pimenta, que é um ser de carater bastante duvidoso. Basta perguntar pra ex mulher dele. Que hoje é assessora da Ludmilla", escreveu o jornalista.

"Anitta me fez ser demitido do UOL. Mais uma maldade pra sua conta", completou. "Naquela segunda, antes de acordar e poder me defender, o UOL já tinha me demitido. Eles preferiram acreditar nela", desabafou. Leo ainda voltou a falar sobre a mãe de Anitta, que foi o assunto que deu início a toda a briga, e alfinetou o antigo portal em que trabalhava.

Confira:

 

Comentários