Coronavírus: Educação e Google iniciam atividades em plataforma online na segunda-feira

Alunos e professores terão acesso ao sistema. Conteúdos das aulas serão incluídos nas salas virtuais ao longo da semana

Por O Dia

Seeduc e Google for Education firmaram parceria
Seeduc e Google for Education firmaram parceria -
 Rio - A Secretaria de Estado de Educação (Seeduc) e o Google For Education iniciarão, segunda-feira, as atividades na plataforma online. O tutorial para os alunos e professores será divulgado, nesta sexta-feira, nas redes sociais da Seeduc (www.facebook.com/seeducRJ/ e no Instagram @SeeducRJ), além de ser distribuído por WhatsApp para toda a rede.
De acordo com a pasta, com isso, os estudantes e docentes já poderão criar sua conta Google e começar a fazer o cadastro e login no sistema. Os conteúdos das aulas serão incluídos nas salas virtuais ao longo da semana que vem.

A primeira semana será de treinamento e adaptação, em que alunos e professores, com seus logins individuais, poderão conhecer a plataforma e entender seu funcionamento. Este período de formação e ambientação não vai afetar os 200 dias letivos, uma vez que o calendário da Seeduc contava com 220 dias letivos previstos e esses 15 dias de paralisação para minimizar os impactos do novo coronavírus corresponderam ao recesso escolar de julho, que foi antecipado como medida de prevenção.

Para os estudantes que têm dificuldade ou não têm acesso à internet, a Secretaria de Estado de Educação vai imprimir e entregar o material didático. A Seeduc disse que conversará com a comunidade escolar para verificar a possibilidade e disponibilidade de abrir pontualmente algumas unidades de ensino para que alunos e docentes que não possuem computador e aparelhos de telefone celular para realização das atividades a distância tenham acesso aos laboratórios e equipamentos dos colégios.
Livros e matérias didáticos das bibliotecas também poderão ser utilizados para ministrar os conteúdos das disciplinas.
"De forma complementar, também vamos recomendar conteúdo pedagógico que será exibido no Canal Futura. Além disso, divulgaremos links de sites educacionais para que os estudantes acessem e estudem o conteúdo nos respectivos portais", destaca o secretário estadual de Educação Pedro Fernandes.

A paralisação das atividades nas escolas da rede estadual do Rio de Janeiro segue o protocolo estabelecido pelo Gabinete de Crise de prevenção ao novo coronavírus e pela Secretaria de Estado de Saúde.

Comentários