Mais Lidas

Trump diz que há 'culpa nos dois lados' em Charlottesville

Presidente norte-americano voltou a se manifestar sobre protesto de supremacistas brancos na Virgínia

Por caio.belandi

EUA - O presidente americano, Donald Trump, lidou com agressividade a perguntas sobre sua reação à violenta marcha de supremacistas brancos realizada em Charlottesville e que terminou em um banho de sangue.

Donald Trump voltou a se manifestar sobre protesto em CharlottesvilleAFP

Trump afirmou, nesta terça-feira, que houve culpa dos dois lados nas manifestações. "Há dois lados em uma história", disse Trump a jornalistas na Trump Tower, em Nova York, onde ele apresentava medidas de infraestrutura.

Quando consultado porque esperou até a segunda-feira para condenar explicitamente os grupos de ódio presentes em Charlottesville no fim de semana, Trump disse que quis ser cuidadoso para não dar uma "declaração apressada" sem o conhecimento de todos os fatos.

Ele chamou o suposto simpatizante nazista, que jogou o próprio carro contra manifestantes anti-racismo - um ataque que matou uma mulher - de uma "desgraça para si próprio, sua família e seu país".

O presidente também defendeu o polêmico estrategista-chefe da Casa Branca, o ultradireitista Steve Bannon, ao afirmar: "Eu gosto do senhor Bannon. Ele é meu amigo... É um homem bom. Ele não é um racista".

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia