Barragem da Samarco em Mariana tem novo vazamento

Deslocamento de massa teria ocorrido na barragem do Fundão; até o momento não há informações sobre feridos

Por lucas.cardoso

Mariana - Um novo vazamento na barragem do Fundão, da mineradora Samarco, em Mariana, alarmou as autoridades da região. O deslizamento aconteceu no começo da tarde desta quarta-feira e, segundo informações da Defesa Civil, houve um deslocamento de massa. A mineradora não notificou o órgão, que ainda não informou maiores detalhes do incidente. De acordo com as primeiras informações, todos os 150 funcionários que trabalhavam no local foram evacuados.

Enxurrada de lama devastou Rio Doce em Bento Rodrigues e Mariana%2C em Minas Gerais%2C e mudou a cor da água em Regência%2C no Espírito Santo%2C onde o rio deságua no marCacau Fernandes/ Parceiro/ Agência O Dia

"O que nós sabemos é que foi um deslocamento, aconteceu em uma área que não representa maiores riscos", tranquilizou uma agente da da Defesa Cívil. O cordenador do órgão, Welbert Stopa, informou que os sedimentos que vazaram hoje eram decorrentes do rompimento da barragem do Fundão, em novembro do ano passado. Ainda segundo Welbert, o deslocamento não atingiu as outras estruturas da barragem e teria ocorrido por conta das fortes chuvas que assolam a região.

O vazamento é o primeiro após a tragédia de Mariana, que aconteceu no dia 5 de novembro, considerado o maior desastre ambiental na história do país, deixando 17 pessoas mortas e duas desaparecidas. A enxurrada de lama atingiu aproximadamente 40 cidades em Minas e no Espírito Santo, se estendendo por centenas de quilômetrosm, e provocando danos irreperáveis ao meio ambiente, como a morte do Rio Doce.

Saiba mais: Barragem se rompe em Minas Gerais e deixa mortos

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia