Crea intensifica fiscalização em prédios residenciais e comerciais de Copacabana

Objetivo do conselho é verificar se os edifícios fizeram a autovistoria

Por paulo.gomes

Rio - O Conselho Regional de Engenharia e Agronomia (Crea-RJ) fiscaliza prédios residenciais e comerciais em Copacabana para verificar se os moradores providenciaram autovistoria e se a mesma foi ocorreu de acordo com a lei. São verificados elevadores, extintores, instalações elétricas e de gás, circuito interno de TV, e limpeza de caixas d’água.

“Nosso conselho está empenhado em trabalhar pela segurança dos moradores do Rio, no que se refere aos imóveis”, diz Evandro Luís Figueiredo, coordenador de planejamento e controle da fiscalização do conselho.

Os síndicos recebem uma circular pedindo cópias das Anotações de Responsabilidade Técnica (ARTs) referentes à elaboração dos laudos de autovistoria e aos serviços de manutenção e obras executadas nos últimos 12 meses. Além disso, o conselho requisita cópias de notas fiscais, contratos e recibos para verificar a habilitação técnica das empresas e profissionais que fizeram as obras e os serviços. As irregularidades encontradas serão encaminhadas à prefeitura e ao Ministério Público.

Figueiredo afirma que o Crea tem a intenção de fazer um cadastro no portal do conselho para informar aos síndicos e aos interessados em comprar ou alugar um imóvel a relação de empresas que oferecem manutenção em prédios e se os serviços foram prestados por empresas habilitadas pela entidade.

“Queremos formar parcerias com os condomínios, criando um mecanismo que seja atualizado a cada ano, que facilite e seja transparente sobre serviços de manutenção predial”, explica o coordenador.

Segundo ele, o trabalho de fiscalização já era feito, mas agora será intensificado. “Começamos pelo Município do Rio porque aqui já vale a lei da autovistoria. Depois da Zona Sul, partiremos para o Centro, Tijuca e Barra da Tijuca e, mais adiante, às outras áreas da cidade e até a outros municípios do estado”, adianta.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia