Justiça autoriza filha de Renné Senna a utilizar 5% do valor do prêmio

Patrimônio todo é estimado em R$ 100 milhões. Agora, o Tribunal de Justiça é quem vai bater o martelo

Por cadu.bruno

A juíza da 1ª Vara de Rio Bonito, Juliana Barros, autorizou Renata Senna, filha do ganhador da Mega-Sena Renné Senna, assassinado, utilizar 5% do valor ainda depositado na Caixa Econômica Federal, mas a viúva Adriana Almeida, já recorreu da decisão. O patrimônio todo é estimado em R$ 100 milhões. Agora, o Tribunal de Justiça é quem vai bater o martelo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia