PSL se une a PSOL e PT contra Witzel

Os partidos deixaram as diferenças de lado para barrar projeto do governador Wilson Witzel que estendia o prazo para as concessões do estado, que hoje é de 25 anos

Por Gabriela Oliva*

Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel.
Governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel. -
Hoje o plenário da Alerj parece ter deixado as diferenças políticas de lado. Os deputados do PSL, PSOL e PT se uniram para obstruir a votação do projeto do Executivo que visa alterar a Lei de Concessões. O governador Wilson Witzel (PSC) quer aumentar o prazo, que hoje é de 25 anos. As emendas nem chegaram a ser apresentadas, porque todo o tempo da sessão foi usado para debater a proposta governamental.
Isso porque, quase todos os parlamentares se inscreveram para discutir o projeto antes de votá-lo. 
Como consequência, a votação de outro projeto do Executivo, sobre a regulamentação dos colégios cívico-militares, acabou sendo adiado. 
*Estagiária, sob supervisão de Maria Luisa de Melo
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários