Niterói terá sua própria Cidade do Samba

De olho na eleição

Por Sidney Rezende

Paulo Bagueira, Axel Grael e Rodrigo Neves
Paulo Bagueira, Axel Grael e Rodrigo Neves -

O deputado estadual Paulo Bagueira conseguiu junto ao prefeito Rodrigo Neves recursos para a construção da Cidade do Samba de Niterói, já para o Carnaval 2021. O espaço será construído em uma área central da cidade, abrigará barracões de agremiações, arena de eventos e "escola do samba", para formação de ritmistas, costureiros e aderecistas. Técnicos da Prefeitura trabalham com a opção de desapropriação. A Cidade do Samba é uma reivindicação antiga, que agora também serve a propósitos eleitorais. O secretário municipal de Planejamento, Axel Grael, lançou a pré-candidatura à prefeitura de Niterói no final de janeiro e o vice é justamente Bagueira. Ele é casado com a rainha da bateria da Viradouro, Raissa Machado, mas a escola não ficará na nova Cidade do Samba. Somente as agremiações do Grupo A da cidade.

Rio e Baixada

Em Nilópolis, a família Abrão David, recheada de políticos, manda na Beija-Flor. O deputado Simão Sessim, no 10º mandato, é primo do contraventor Anísio e do atual prefeito, Farid Abrão David. O seu filho Sérgio Sessim também já foi prefeito.

Outra que frequenta as quadras é a deputada federal Benedita da Silva. Foi ela quem conseguiu a controvertida reunião dos dirigentes das escolas de samba com Michel Temer, em 2017. E viabilizou a ida de componentes das agremiações do Grupo Especial e Série A para o Carnaval na Argentina. O deputado estadual Dionísio Lins ajuda o Império Serrano há mais de 20 anos. E o deputado federal Hugo Leal fez sambas-enredo para Beija-Flor, Mangueira e Viradouro.

 

Mudança na família Tutuca

Gustavo Tutuca - Thiago Lontra/Alerj

O deputado estadual Gustavo Tutuca desistiu de concorrer à prefeitura de Volta Redonda e transferiu o seu domicílio eleitoral para Piraí. Se a candidatura do pai, Arthur Tutuca, que já foi prefeito, não tiver condições legais, o filho será o plano B.

Pezão despacha em casa com aliados

Mesmo de tornozeleira eletrônica, Pezão tem recebido visitas constantes de políticos na sua casa em Piraí. Muitos vão se aconselhar. Inclusive, deputados da Alerj.

 

Renato Cinco é contra aliança do PSOL com PT

O vereador Renato Cinco (PSOL) não concorda com a união de seu partido com o PT para eleição à prefeitura do Rio.
"O PT e seu campo político não só vêm boicotando a luta dos trabalhadores, evitando convocar manifestações durante a votação das reformas trabalhistas e da previdência, como através de seus governadores promovem reformas previdenciárias dignas do governo Bolsonaro. Como podemos nos unir para defender os direitos dos trabalhadores com o mesmo partido que promove o ataque a estes direitos? O PT é parte do problema e não da solução. Precisamos de uma alternativa comprometida com os interesses dos trabalhadores e que defenda o meio ambiente", disse.

PICADINHO

Chico Alencar, Lindberg Farias e Mônica Benício, viúva de Marielle Franco, serão candidatos a vereador.
Depois de passar por São Paulo, ministro português da Defesa Nacional está no Rio.
Especialistas do mundo em reconhecimento facial das emoções vão ministrar o curso Técnicas de PLN para Alta Performance, nos dias 14 e 15 de fevereiro, em Botafogo.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários