Brizola Neto: "O prefeito do Rio tem que conhecer as cidades vizinhas"

Pré-candidato participou de live do jornal O Dia.

Por Sidney Rezende

Brizola Neto
Brizola Neto -
O pré-candidato à Prefeitura do Rio Brizola Neto, do PC do B, em live do Jornal O Dia, disse que o prefeito a ser eleito este ano tem a obrigação de conhecer toda a área metropolitana. Ele deu o exemplo dele, que morou por dois anos em São Gonçalo, onde chegou até a participar da disputa municipal naquela cidade, e, graças a esta vivência, ele agora postula ser o sucessor de Marcelo Crivella.

"O prefeito do Rio precisa conhecer a região metropolitana, porque somos praticamente uma cidade integrada. Não há como tratar da questão da saúde, da educação, sem compreender as necessidades da região metropolitana do Rio de Janeiro. Muitas vezes é uma única rua que divide o município do Rio de Janeiro com um município da Baixada Fluminense ou mesmo a ponte que liga o Rio a Niterói e São Gonçalo. Então, o prefeito do Rio precisa liderar uma governança metropolitana. É fundamental que ele tenha esse conhecimento da região metropolitana do Rio de Janeiro, que, aliás, de todos os grandes centros metropolitanos dos estados brasileiros, foi o que menos se desenvolveu. O Rio de Janeiro perdeu indústria, foi se desindustrializando, perdendo oportunidades de emprego. Então, é muito importante que o prefeito do Rio tenha pleno conhecimento da região metropolitana para que ele possa estabelecer e liderar uma governança intermunicipal para que possamos resolver realmente os problemas de saúde, de mobilidade urbana, de educação, de forma realmente efetiva".

Live com Hugo Leal

O deputado federal Hugo Leal, do PSD, é o convidado de hoje, às 15h, da live promovida pelo O Dia. Você pode participar e fazer sua pergunta. Assista em facebook.com/odiajornal e no youtube.com/tvodia. Participe!  

As loiras do Capitão

Susana Werner - Reprodução Internet
Bolsonaristas vão criar um grupo chamado "As loiras do Capitão". Eles querem nas manifestações a favor do presidente: Susana Werner, Andressa Urach, Juliana Bonde (vocalista do Bonde do Forró, que agora é morena), Zilu Camargo (ex-mulher do sertanejo Zezé), que seria convidada a vir do exterior para engrossar o caldo verde e amarelo, e Andressa Surita (esposa de Gusttavo Lima). 

Alerj votará suspensão dos prazos de concursos públicos

O plenário da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) vota hoje (03) o projeto do deputado Renato Cozzolino (PRP) para suspender os prazos de validade dos concursos públicos realizados pela administração pública direta e indireta, referentes a processos já homologados e em fase de convocação dos aprovados durante o período da pandemia do coronavírus. Caso seja aprovado, o governador tem até 15 dias para sancionar ou vetar a lei. 

De volta ao cenário político

Cornélio Ribeiro - Divulgação
Cornélio Ribeiro (PRTB), que já foi vereador na cidade de Nova Iguaçu, além de deputado estadual por duas vezes, deputado federal e secretário estadual da Baixada, volta ao cenário político depois de cerca de 14 anos afastado da vida pública e aposta na sua experiência como administrador ao lançar sua pré-candidatura a prefeito de Nova Iguaçu. 

Bancada rachada na Alerj

O PSOL está em cima do muro. Este é o comentário de bastidores sobre os desdobramentos da crise estadual. Afinal, existe pedido de impeachment de Witzel?

PICADINHO

Jornalista Ricardo Bruno participa de webinar, hoje (3), de 17h às 19h, sobre 'A necessidade de tipificação em sede penal (criminalização) das fake news'. Inscrições gratuitas para participar podem ser feitas no site da Emerj. 
BR Distribuidora está fornecendo 10 mil litros de combustível para movimentar a frota a serviço da Fiocruz.

Ocyan doará R$ 305 mil à UFRJ, de Macaé, para implementar um laboratório de campanha no combate ao novo coronavírus.
A Braskem, em parceria com a Firjan, realiza hoje (3) doação de 60 mil máscaras: 50 mil de uso hospitalar de não tecido e dez mil unidades do tipo face shields. O material será entregue em hospitais no estado, entre eles o Hospital Municipal de Duque de Caxias, o Hospital Central do Corpo de Bombeiros e socorristas da corporação.

Comentários