Bruno Schmidt e Evandro de olho em Tóquio

Campeão olímpico na Rio-2016 e atual campeão mundial apostam em dupla forte para brigar por vaga olímpica nos Jogos de 2020

Por O Dia

Bruno Schmidt e Evandro firmam dupla no vôlei de praia para buscar vaga em Tóquio 2020
Bruno Schmidt e Evandro firmam dupla no vôlei de praia para buscar vaga em Tóquio 2020 -

Campeão olímpico na Rio-2016, Bruno Schmidt se juntou nesta semana ao atual campeão mundial Evandro para entrar na disputada corrida do vôlei de praia por uma vaga nos Jogos de Tóquio (2020), que começará em Doha, no Catar, daqui a pouco mais de um mês: "O Evandro é um dos atletas que mais vêm se destacando, evoluindo. É um atleta realmente do porte do Circuito Mundial de hoje em dia. Tem 2,10m, uma saúde enorme e muita vontade de vencer. É um bloqueador de 2,10m, o nosso melhor atacante e o melhor sacador do mundo já há quatro temporadas. Ele vai usando as armas dele, eu vou usando as minhas e vamos tentando potencializar o máximo em prol dos nossos objetivos".

Treinando desde terça-feira com a nova parceria no CT do Leblon, Bruno diz no que aposta para o sucesso da dupla recém-formada. "Mais do que entrosamento, o envolvimento emocional, com relação à motivação, na minha opinião, é mais importante. Nesses mais de 10 anos jogando em alto nível, trago muito isso. A vontade de jogar não só por você, mas pelo seu parceiro, entender o momento de dificuldade em que ele está, é mais de 50% do vôlei de praia e é nisso que estou apostando", diz o campeão olímpico.

Bruno ainda detalha as características deles: "Além disso, somos dois atletas que sacam muito bem. E precisamos ter um bloqueio e defesa muito ajustados. Costumo dizer que o time tem que se municiar, tem que ter as armas para apresentar no jogo. Tanto ofensivamente quanto defensivamente. E, nesse ponto, estou bem confiante".

Evandro destaca que a trajetória de Bruno, ouro na Rio-2016 ao lado de Alison, é uma inspiração para ele: "O Bruno é um multicampeão, ganhou Olimpíada e Copa do Mundo. Agora é usar isso a meu favor. Ele já tem todos os caminhos para que a gente consiga nossa medalha olímpica e eu estou disposto a fazer esse caminho ao lado dele. Ele está me ajudando bastante diariamente. Fico feliz só de colocar o meu vôlei em prática com a assessoria dele", afirma Evandro.

Comentários