Mariana Ferrão conta como superou a depressão

Global diz enxergar a dança como uma forma de elevar a autoestima

Por BÁRBARA SARYNE

Mariana Ferrão
Mariana Ferrão -

Quem vê Mariana Ferrão sorrindo no palco do Faustão, enquanto participa da 'Dança dos Famosos', nem imagina que a cada passo a jornalista lembra a mãe, que morreu de um AVC há 20 anos. A apresentadora conta que a genitora odiava dançar, mas tudo mudou quando seu pai, que sempre foi um pé de valsa, queria fazer dança de salão em uma academia e convenceu a mulher a participar.

"Ela acabou se apaixonando", diz Mariana, que passou a frequentar as aulas com os pais e ficou viciada no "remelexo". "Quando fomos ver, estava a família inteira, até o meu irmão, fazendo dança de salão. A gente dançava de segunda a segunda", conta a jornalista, animada só de lembrar a antiga rotina. O compromisso com a dança, porém, durou apenas um ano. De forma inesperada, a mãe da apresentadora sofreu um AVC e não resistiu. A partir daí, Mariana conta que resolveu ficar longe das pistas.

"Começou a ser muito difícil dançar porque eu ia para a academia e lembrava dela. Minha mãe ficou tão apaixonada pela dança que me pedia para ensaiar com ela na sala e, para mim, tudo o que tem a ver com os passos lembra ela. Nessas duas décadas, confesso que nunca me senti preparada para retornar às aulas", afirma Mari, que completou 40 anos no fim do mês passado.

Aceitar o convite para voltar a dançar, logo em rede nacional, não foi uma decisão fácil. Ela afirma que só disse "sim" ao quadro quando percebeu que chegou a hora de enfrentar o desafio e homenagear a mãe com tudo o que aprenderam juntas. Além disso, a global diz enxergar a dança como uma forma de elevar a autoestima, o que é ótimo para ela depois de ter passado por um período difícil.

"Eu tive uma depressão muito forte durante a minha primeira licença-maternidade. Muita gente acha que só porque eu trabalho na Globo eu não tenho problemas, mas a verdade é que a vida não é assim. Eu sou igual a qualquer outra pessoa que está aí com desafios muito semelhantes para enfrentar", afirma.

CONECTADA

Na época, para superar a doença adquirida após a gravidez de Miguel, que fará 5 anos este mês, Mariana conta que começou a desabafar com textos em suas redes sociais e descobriu um novo mundo. "Escrevia o que eu estava sentindo e várias mães se identificavam. Muitas entenderam que, se eu passei por aquilo e falei abertamente, elas também poderiam passar. Meus perfis cresceram nesse período, e eu fiz amigos virtuais que até passaram a frequentar a minha casa", revela.

Para a paulistana, é importante saber administrar e impor limites no uso da internet. No entanto, ela diz que nunca teve problemas por conta da exposição. Agora, inclusive, Mariana conta com o apoio dos 600 mil seguidores para permanecer na 'Dança dos Famosos' e revela não se importar com os memes que circulam na web usando suas imagens e as de Fernando Rocha, que também comanda o 'Bem Estar'.

"Eu me divirto, mas as últimas 'notícias' me surpreenderam. Eu conheço o Fernando há dez anos, e a gente está no 'Bem Estar' há quase oito. Ele é assim, pura alegria. Já é dele esse negócio de fazer piada sem graça. Eu tenho no meu celular vários áudios com piadas dele porque eu gravo para mostrar para os meus filhos. Na verdade, o que me surpreendeu é que tudo isso só tenha viralizado agora porque ele já era assim antes", diz, aos risos.

FOCO TOTAL

Animada à frente do matutino, Mariana diz que não pensa em atuar em outra área no momento e afirma que se empolga toda vez que descobre que está salvando vidas com os temas abordados no programa. "Para mim, informação é conexão. Enquanto eu estiver fazendo algo que eu me conecte com as pessoas e possa trazer algo que de fato possa mudar a vida delas, é o que mais importa para mim", afirma ela, citando um episódio marcante de sua carreira.

"Nunca vou esquecer a primeira vez em que a gente falou sobre cocô no ar (risos). Esse é um assunto que eu jamais pensei que ia falar quando me formei em jornalismo. Mas foi muito legal porque depois recebemos várias mensagens de pessoas que descobriram câncer no intestino porque começaram a olhar para o cocô delas. Quando a gente lê uma mensagem dessas tudo fica banal, então faz meme mesmo, deixa viralizar. O que importa é que a gente está passando informação importante", dispara.

Com a rotina mais agitada por causa da 'Dança dos Famosos', Mariana conta que está matando um leão por dia para dar conta da casa, dos cuidados com os filhos e do trabalho. Ainda assim, diz que tudo vale a pena quando se está feliz e ao lado de pessoas especiais.

"Eu chego na Globo às 7h e ensaio cinco vezes por semana, no Rio de Janeiro, de terça a sábado. Agora, pedi para ensaiar um dia em São Paulo, para poder buscar meus filhos na escola pelo menos um dia da semana", diz ela, que só conta com a torcida do filho mais velho na competição de dança.

"O João está com 2 anos e meio e não costuma me assistir porque fica aflito quando vê que eu estou aparecendo na televisão e não estou falando com ele", diz a apresentadora, revelando sentir a mão gelada e a boca seca antes de apresentar os números de dança no programa.

Segundo ela, o que faz a diferença são os conselhos de Fernando Rocha, que mesmo sem ter tido um bom desempenho no quadro conseguiu causar no palco do 'Domingão Faustão'.

"Ele falou para eu lembrar que aqui é a minha casa, que eu passo aqui todo dia. E isso é real. Pensar assim ajuda porque a sensação é que eu estou em outro lugar, mesmo vindo aqui há dez anos todos os dias", afirma ela, que tem tudo para, finalmente, levar uma vitória para o time do 'Bem Estar'. "Com certeza, essa é a hora de honrar a minha história", finaliza.

Galeria de Fotos

Mariana Ferrão divulgação
Fernando Rocha e Mariana Ferrão divulgação
Mariana Ferrão divulgação
Mariana Ferrão. Retrato divulgação

Comentários

Últimas de Diversão