'Não canto só música pop', diz Iza

Cantora comanda dois programas na TV e afirma que vive momento de sonho

Por Leonardo Rocha

Iza comemora o bom momento na vida e carreira
Iza comemora o bom momento na vida e carreira -

'Muito mais do que pedi a Deus". É desta forma que Iza define o momento mágico que vive em sua carreira, ao se tornar uma das cantoras mais populares de sua geração. Depois de dominar as paradas de sucesso com hits que vão muito além do entretenimento, a estrela ainda comemora a chance de mostrar seu talento como apresentadora de dois programas na televisão, o SóTocaTop, da Globo, e o Música Boa, do Multishow.

"Conseguimos alinhar os dois e ficou tudo certo! São programas bem diferentes e difíceis de fazer. O 'SóTocaTop' é na TV aberta, tem muita responsabilidade, um alcance enorme. Já o 'Música Boa' tem uma pressão gigante, é ao vivo. Só a gente sabe o que acontece nos bastidores", diverte-se. 

Este é o segundo ano de Iza como apresentadora de TV. Fato que deixa a cantora de 28 anos mais confortável para brincar em cena. "Esse convite me abriu os olhos para o mundo novo. Eu sempre tive curiosidade em ser apresentadora e, na real, está sendo uma grande surpresa. Eu gosto de fazer e fico feliz que o público também tenha se identificado", comemora ela, que não gosta de se ver na telinha. "Odeio me assistir (risos). Não só no programa, mas em qualquer coisa que eu faça. Sou muito crítica e acho que nada fica bom. Mas se o público falou que foi legal eu acredito", brinca.

Mesmo assumindo o lado perfeccionista, Iza se avalia bem como apresentadora e volta a telinha muito mais segura. "Depois da primeira temporada a gente fica calejada. Não é mais um começo, é uma volta. Estou mais confortável. Acho que eu não sabia muito o que falar, repetia palavras... Detalhes de virginiana (risos). Fui me adequando", diz ela, que leva o aprendizado da TV para os palcos.

"A gente aprende muito. Existe uma troca com outros artistas que mudam a gente. Sempre gostei de cantar coisas diferentes, porque não canto só pop. Esses programas, esses encontros, abrem nossa cabeça. São amigos que ajudam a lidar com problemas, a resolver pepinos. A estrada ensina muito".

Foi em dezembro do ano passado que Iza trocou alianças com o produtor musical Sérgio Santos. Os dois se casaram numa cerimônia intimista no Outeiro da Glória, na Zona Sul do Rio. "Está tudo maravilhoso! Antes era uma correria, avião, viagens... Essa logística é sempre muito cansativa. Agora está mais tranquilo. Quando eu volto para casa ele está lá, é uma delícia. A gente está se divertindo muito. Casamento foi uma surpresa para mim e eu não poderia estar mais feliz.

A vida de casada ainda tem feito Iza descobrir novos talentos. "Gosto de organizar a casa. Não vou dizer que amo fazer faxina, né? Mas faço. Na cozinha também mando bem! Quando estou estou em casa faço arroz, feijão, macarrão, massas...", conta ela, que, apesar da comilança, ostenta curvas perfeitas. "Faço dieta e me descobri uma atleta. Quem trabalha com música pop, que vive correndo, tem que manter uma qualidade", conta a musa.

De bem com a vida

Foi em dezembro do ano passado que Iza trocou alianças com o produtor musical Sérgio Santos. Os dois se casaram numa cerimônia intimista no Outeiro da Glória, na Zona Sul do Rio. "Está tudo maravilhoso! Antes era uma correria, avião, viagens... Essa logística é sempre muito cansativa. Agora está mais tranquilo. Quando eu volto para casa ele está lá, é uma delícia. A gente está se divertindo muito. Casamento foi uma surpresa para mim e eu não poderia estar mais feliz.

Show no Rock in Rio 2019

O sucesso de Iza é tamanho que a a cantora foi anunciada como uma das atrações do Palco Sunset, do Rock in Rio, em setembro. "A Alcione vai cantar comigo. Eu estou maravilhada. A gente estava pensando em nomes e quando ela aceitou foi uma festa. Ela topou na hora", comemorou ela, que, ao 28 anos, não vê que sua carreira tenha sido meteórica. "As coisas vêm acontecendo muito rápido, mas existe uma longa estrada percorrida. Já trabalhava antes, me formei em publicidade, e comecei a cantar profissionalmente com 25 anos. A gente vai se formando ao longo da vida, e, se hoje eu estou aqui, é porque eu me preparei durante 28 anos", diz a estrela.

<iframe width="560" height="315" src="https://www.youtube.com/embed/NcY80SPnvfE" frameborder="0" allow="accelerometer; autoplay; encrypted-media; gyroscope; picture-in-picture" allowfullscreen></iframe>

'Me descobri uma atleta'

A vida de casada ainda tem feito Iza descobrir novos talentos. "Gosto de organizar a casa. Não vou dizer que amo fazer faxina, né? Mas faço. Na cozinha também mando bem! Quando estou estou em casa faço arroz, feijão, macarrão, massas...", conta ela, que, apesar da comilança, ostenta curvas perfeitas. "Faço dieta e me descobri uma atleta. Quem trabalha com música pop, que vive correndo, tem que manter uma qualidade", conta a musa.

'Minha parceria dos sonhos é com a Alcione'

Iza e Alcione no 'Música Boa' - Reprodução do Instagram

Parcerias não faltam no currículo da cantora. Depois de gravar Pesadão, com Marcelo Falcão, Iza já dividiu canções com Caetano Veloso, Gilberto Gil, Djavan, Maria Gadú e outros grandes nomes da música. Desta vez, a carioca emplaca a nova abertura de "Malhação - Toda Forma de Amar", da Globo, com Milton Nascimento. "Foi normal gravar com o Milton", brinca ela. "Toda hora é um susto. Eu só fico fingindo costume, que está tudo normal, mas tremo na base. Eu já tinha participado de um projeto do Milton no ano passado, em Nova Lima, que ainda vai sair. E, agora, poder estar junto para o Brasil todo ver, na abertura de uma novela que me acompanha desde sempre... Me sinto lisonjeada", comemora. E com tantas parcerias, ainda existem sonhos a serem realizados. "Minha parceria dos sonhos é com a Alcione. A gente já cantou juntas, mas meu sonho é gravar uma música com ela", diz. 

'Faria diferença se eu tivesse me visto nos lugares'

Há algumas semanas Iza se tornou um dos assuntos mais comentados do Twitter, ao se emocionar durante uma entrevista com duas meninas negras. Na ocasião, a cantora foi questionada como se sente sendo uma referência para outras jovens. Ela explica o que aconteceu. "Eu fico muito emocionada, porque sempre me perguntam como eu me sinto sendo uma representante dessa luta, mas nunca uma menina negra tinha me perguntado isso. Fiquei muito abalada, porque me vi nelas. Que coisa bonita. Sei que faria muita diferença se eu tivesse me visto em todos os lugares", conta ela, que vê a importância de seu trabalho repercutir na vida de tanta gente. "É muito importante que uma pessoa negra chegue num hospital e veja que existam médico negros. Quando você não enxerga similaridades, você cria um bloqueio. Eu fiquei muito emocionada com as meninas porque sei o quanto foi complicado para mim. Hoje, talvez, seja um pouco menos para ela, porque cada vez mais nos estamos aqui", avalia. 

'Estou mais maliciosa'

As armadilhas da fama fizeram com que Iza mudasse sua postura, mas não deixaram que ela perdesse a simplicidade. "Estou mais maliciosa. Antes eu contava a minha vida. Preciso tomar cuidado, porque tem muita gente de má fé, mas continuo acreditando no ser humano", diz ela, que mantém os pés no chão. "Quando olho para trás lembro de tudo o que eu queria e, hoje, estou vivendo tudo um sonho real". Parcerias não faltam no currículo da cantora. Depois de gravar Pesadão, com Marcelo Falcão, ela emplaca a abertura de "Malhação - Toda Forma de Amar", da Globo, com Milton Nascimento. "Só fico fingindo costume, mas tremo na base".

Galeria de Fotos

Iza comemora o bom momento na vida e carreira Reprodução do Instagram
Iza
Iza Reprodução do Instagram
Iza Reprodução do Instagram