Globo substitui 'Amor de Mãe' por compacto de 'Fina Estampa', por causa do coronavírus

A partir desta terça, emissora passa a chegar a onze horas consecutivas de jornalismo e corta programas como 'Mais Você' e 'Encontro'

Por O Dia

'Amor de Mãe': trama das 21h terá
'Amor de Mãe': trama das 21h terá "fim de temporada" neste sábado -

Pela primeira vez em 55 anos, um fator de saúde pública consegue alterar gravemente a programação da Globo. Por causa da pandemia de coronavírus, a emissora mudou planos cruciais e rotineiros para 2020. Segundo comunicado da emissora, 'Amor de Mãe', cujas gravações já haviam sido canceladas no domingo, será substituída por um compacto da novela 'Fina Estampa', de Aguinaldo Silva, a partir do dia 23 de março. Neste sábado, vai ao ar um "fim de temporada" da trama.

A preocupação da Globo, inicialmente, era com a saúde dos atores com mais de 50 anos, para preservá-los. Mas a ideia da emissora é que os trabalhos sejam retomados quando não houver mais riscos. A novela das 19h, 'Salve-se Quem Puder', também vai ter suas gravações interrompidas para impedir a propagação do novo coronavírus em seu elenco. No dia 30 de março, 'Totalmente Demais', novela de 2015, será reprisada em seu lugar.

Já 'Éramos Seis', prevista para terminar em duas semanas, vai até o fim. A partir do dia 30, entrará um compacto de 'Novo Mundo', ambientada no período que antecede a história de 'Nos Tempos do Imperador', próxima novela das seis, que teve estreia adiada.

'Malhação - Toda Forma de Amar' terá o final antecipado para abril. Na sequência, a Globo vai reexibir de forma compactada a temporada 'Viva a Diferença', que ficará no ar até o fim da crise.

A Globo também suspendeu as gravações da próxima trama das 21h, 'Um Lugar ao Sol', além da minissérie 'O Anjo de Hamburgo'. Séries como 'Segunda Chamada' também terão suas atividades suspensas por uma semana pelo menos.

'Medida responsável'

Nas redes sociais, Taís Araújo, que interpreta a advogada Vitória em 'Amor de Mãe', se pronunciou sobre a medida da Globo. "A paralisação das gravações das novelas foi uma medida absolutamente responsável e necessária tomada pela @redeglobo", afirmou. "A produção de uma novela envolve centenas de profissionais e é de extrema importância que preservemos, em primeiro lugar, a saúde de todos e que evitemos a proliferação do vírus".

"Agora é hora de prezar pela saúde daqueles que amamos e de quem não conhecemos. Você, empregador, pense no coletivo e considere dispensar os funcionários durante os próximos dias. E vamos todos compreender que este não é um período de férias. É um período de prevenção. É hora de ficar em casa, em segurança", escreveu.

Restrições

As modificações na grade da Globo não ficam apenas nas novelas. A emissora vai chegar a 11 horas de jornalismo consecutivas, das 4h da manhã às 15h. A partir desta terça, o 'Bom Dia Rio' vai até as 10h, quando estreia 'Combate ao Coronavírus', ancorado de São Paulo por Marcio Gomes. A partir do meio-dia, o 'RJTV' passa a incorporar o horário do 'Globo Esporte'. Os programas 'Mais Você', 'Encontro com Fátima Bernardes', 'Globo Esporte' e 'Se Joga' não serão exibidos. A 'Sessão da Tarde' está mantida, e o 'Jornal Nacional' passa a ter 50 minutos. Os canais a cabo da Globo estão abertos, e a Globoplay está disponibilizada por 30 dias para não-assinantes.

 

Comentários