Camila Queiroz diz que 'Êta Mundo Bom! vira alívio na pandemia: "É gratificante"

Atriz, que interpreta a Mafalda, está em isolamento com o marido Klebber Toledo: "Tenho feito de tudo um pouco, menos sair de casa"

Por Juliana Pimenta

Camila relembra a ingenuidade de Mafalda:
Camila relembra a ingenuidade de Mafalda: "Me joguei de cabeça" -
Rio - Gravada em 2016, ‘Êta Mundo Bom!’ está reprisando no ‘Vale a Pena Ver de Novo’, da Globo. No ar como a Mafalda, Camila Queiroz conta que se diverte com a oportunidade de reassistir a trama e relembrar o convívio com os colegas de elenco. “Esse núcleo, com toda sinceridade, era realmente uma família. Quis levar todos para a vida. Era muito gostoso gravar as cenas, muito divertido e leve. Está sendo maravilhoso rever a novela”, diz.

Casada com Klebber Toledo, o Romeu da novela, desde 2018, Camila revela que a ingênua Mafalda voltou a ser assunto nas redes sociais. O carinho do público pela personagem caipira é principalmente pela pureza da personagem e pelo desejo em ter relações com algum homem e finalmente conhecer o “cegonho”.

“Aproveitei o meu sotaque do interior e me joguei de cabeça, inspirada nas minhas avós e em como elas viviam nessa época. Quanto ao ‘cegonho’ realmente foi um grande sucesso, esse com certeza foi o assunto mais comentado durante a novela. Agora com a reprise de 'Êta Mundo Bom!' as pessoas voltaram a comentar bastante sobre isso. Me divirto muito!”, conta.

Novo normal

Apesar de entender as dificuldades provocadas pela pandemia, Camila defende que ‘Êta Mundo Bom!’ pode servir como alívio à sociedade. “Tudo o que acontece de ruim na vida da gente é ‘pra meiorá’, esse é o lema da novela! Nada mais propício para o momento atual. Em meio ao caos, o que pode nos ajudar a sobreviver é a esperança de dias melhores. Sem esse sentimento, não haveria motivação. Também fico muito contente em saber que, em meio a tantas notícias ruins todos os dias, nós ainda conseguimos provocar o sorriso no telespectador. É gratificante”, comemora a atriz, que tem respeitado o isolamento.

“Eu tenho feito de tudo um pouco, menos sair de casa. Eu e o Klebber estamos cuidando da casa toda, então isso acaba ocupando a maior parte do nosso dia, além das nossas quatro filhas de quatro patas (risos). Tenho feito exercícios, yoga e meditação… ajuda muito para aliviar o estresse”.

Comentários