Tamborim de Ouro reconhece bambas

A 17ª edição do prêmio do jornal O DIA vai homenagear os maiores destaques do Carnaval carioca em várias categorias

Por adriano.araujo , adriano.araujo

Rio - A partir do Domingo de Carnaval, dia 2 de março, junto com o primeiro desfile das escolas do Grupo Especial, vai começar a votação pela internet para a 17ª edição do prêmio Tamborim de Ouro, promovido pelo DIA. A já tradicional homenagem aos melhores representantes do Carnaval carioca é a única consagrada exclusivamente pelo público e causa grande expectativa.

>>> GALERIAS: As rainhas do Carnaval 2014

Entre as categorias estão ‘Escola do povo’, ‘Samba do ano’, ‘A voz da Avenida’, ‘Musa da Sapucaí’, ‘Bateria show’, ‘Roda, baiana’ e ‘Comissão sensação’, além do ‘Casal nota 10’, ‘Enredo maravilha’, ‘Bambas do amanhã’, ‘Os donos da rua’ e ‘Escola de ouro’.

O recordista Neguinho da Beija-Flor%3A "A voz do povo é a voz de Deus"Alexandre Brum / Agência O Dia

Recordista no quesito ‘A voz da Avenida’ e campeão no ano passado, Neguinho da Beija-Flor destacou a importância de receber reconhecimento na premiação mais democrática do samba. “É gratificante um troféu que vem do povo. Vale a pena a gente fazer todo esse esforço, se dedicar, cuidar da voz, porque as pessoas estão ligadas em tudo e reconhecem. A voz do povo é a voz de Deus e o Tamborim de Ouro é uma delícia”, disse. O intérprete também elogiou a iniciativa do jornal: “O DIA está valorizando o trabalho do sambista, muito obrigado.”

No ano passado, a disputa ficou marcada por um ‘Fla-Flu’ no Sambódromo. Cada uma com três troféus na categoria ‘Escola do Povo’, Beija-Flor e Mangueira disputavam para se tornar a agremiação mais vitoriosa da história do prêmio. Mas o título acabou ficando com o Salgueiro, a terceira vitória da escola.

Entre os vencedores que mais têm o Tamborim de Ouro em suas coleções está a ex-modelo e empresária Luma de Oliveira, com seis troféus na categoria ‘Musa da Sapucaí’. O casal de Mestre-Sala e Porta-Bandeira Claudinho e Selminha Sorriso também soma quatro prêmios como ‘Casal Nota 10’. Mestre Ciça já ganhou o Tamborim de Ouro ‘Eu Sou o Samba’, em 2008, e o ‘Batuque do Povo’, na bateria da Viradouro.

A eleição fica aberta até o fim do desfile da última agremiação do Grupo Especial. Os vencedores, que são conhecidos na edição de Quarta-feira de Cinzas do jornal, ganham troféus confeccionados por um escultor de renome. A personalidade do ano também ganha destaque no prêmio ‘Eu sou o Samba’, único escolhido por uma equipe especializada da redação do jornal.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia