Salgueiro é hexacampeã do prêmio Tamborim de Ouro

Vermelha e Branca da Tijuca conquista pela sexta vez o troféu de melhor escola do Carnaval carioca

Por paulo.gomes

Rio - Na ginga da malandragem, o Salgueiro ganhou pela sexta vez o título de melhor escola do Carnaval carioca, das mãos de quem mais entende de folia: o povão. A 19ª edição do Tamborim de Ouro elegeu os destaques dos desfiles através do DIA Online. "A gente respeita os jurados, mas ser escolhido diretamente pelo povo é uma sensação incomparável. Vou botar o troféu na minha sala. Estou muito feliz mesmo", comemorou a presidente do Salgueiro, Regina Celi Fernandes.

A exaltação à malandragem deu ao Salgueiro%2C vice-campeã de 2015%2C o sexto troféu de ‘Escola do Povo’Alexandre Brum / Agência O Dia

A vermelha e branca da Tijuca, que apresentou ‘A Ópera dos Malandros’, é a ‘Escola do Povo’ mais premiada do Tamborim, à frente de Mangueira e Beija-Flor, com quatro troféus cada. A agremiação ainda faturou mais duas premiações: ‘Samba do Ano’ e ‘Musa da Sapucaí’, com Viviane Araújo. A rainha de bateria alcançou Luma de Oliveira, com seis tamborins.

Mas Vivi não foi a única musa eleita. Esbanjando graça, simpatia e muito samba no pé, a rainha de bateria da Portela, Patrícia Nery, ganhou troféu especial. “Estou emocionada. É um reconhecimento à minha dedicação à escola. A sensação é muito boa”, disse. Neguinho da Beija-Flor, foi premiado pelos 40 anos de Avenida. “Ô Glória! Estou muito feliz. Ganhei o dia! É gratificante”, vibrou.

Fantasiada de malandro%2C a rainha Viviane Araújo (Salgueiro) se igualou à musa Luma%2C com seis tamborinsAlexandre Brum / Agência O Dia

Mestre-sala da Imperatriz, Rogério Dornelles, foi eleito o Casal Nota 10 junto com a sua parceira, a porta-bandeira, Rafaela Theodoro. “O mais bacana é que é o primeiro ano ao lado dela. Tivemos quatro meses para nos conhecer e o resultado foi maravilhoso”, disse Rogerinho, empolgado com o terceiro Tamborim.

A rainha de bateria da Portela%2C Patrícia Nery%2C ganhou um dos seis prêmios especiais do Tamborim de OuroAndré Mourão / Agência O Dia

A Mangueira venceu em três categorias: para a bateria, pelo enredo em homenagem a Maria Bethânia e pela Voz da Avenida, para o intérprete Ciganerey. A criatividade de Paulo Barros deu à Portela um Tamborim para ‘Alegorias e Adereços’.

A Unidos da Tijuca foi a melhor ala das baianas, e a União da Ilha, a comissão de frente mais bonita. A Império Serrano também repetiu a dose e foi aclamada como ‘Escola de Ouro’ da Série A (antigo grupo de acesso) pelo segundo ano. “O imperiano estava precisando desse carinho. Fizemos um esforço muito grande para botar a escola na Avenida”, contou o diretor Rildo Seixas.

A Comissão de Frente da União da Ilha foi a preferida do públicoEfe

O bloco campeão foi novamente o Cordão da Bola Preta, que arrastou mais de 1 milhão de foliões pelas ruas do Centro. Hoje, o Carnaval vai conhecer a campeã do Grupo Especial. “Peço a Deus que o resultado dos envelopes confirme a vontade do povo”, torce a presidente do Salgueiro.

Confira os vencedores do Tamborim de Ouro 2016

VOTO POPULAR

Escola do Povo (Grupo Especial) - Salgueiro

Escola de Ouro (Série A) - Império Serrano

Os Donos da Rua (bloco) - Cordão da Bola Preta

Musa da Sapucaí - Viviane Araújo (Salgueiro)

Samba do Ano - Salgueiro

JÚRI ESPECIAL

Voz da Avenida (Intérprete) - Ciganerey (Mangueira)

Bateria Show - Rodrigo Explosão e Vitor Arte (Mangueira)

Enredo Maravilha - Mangueira (Leandro Vieira, revelação da Avenida)

Casal Nota Dez - Imperatriz (Rogério Dornelles e Rafaela Theodoro)

Alegorias e Adereços - Portela

Comissão Sensação (Comissão de Frente) - União da Ilha

Roda Baiana - Unidos da Tijuca

PRÊMIO ESPECIAL

Martinho da Vila e Mart'nalia (Vila Isabel, família Carnaval), Neguinho (40 anos de Avenida, Beija-Flor), Claudinho e Selmynha Sorriso, Casal Beija-Flor (25 anos de Avenida, Beija-Flor), Pelezinho (Sambista do Amanhã, Grande Rio), Patrícia Nery (Estrela de Madureira, Portela), Monobloco (Chave de Ouro do Carnaval).

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia