Por tiago.frederico
Publicado 13/12/2014 11:39 | Atualizado 13/12/2014 23:16

Rio - Um homem morreu, na manhã deste sábado, ao ser atingido pela roda de um ônibus que trafegava pela Avenida Presidente Vargas, no Centro do Rio. O acidente aconteceu na pista lateral, sentido Candelária, na altura da passarela da Cidade Nova. A peça, que se soltou da parte traseira do veículo, atingiu Evaldo Santana, 40, na cabeça. A vítima havia acabado de deixar o emprego, no prédio 3.131 e seguia para Acari, na Zona Norte, onde morava. O caso foi registrado na 6ª DP (Cidade Nova) como homicídio culposo, quando não há intenção.

De acordo com testemunhas, que presenciaram o fato, a peça se desprendeu do veículo, um ônibus executivo da Vitória Turismo Rio, logo após a passarela da Cidade Nova, em frente à Prefeitura do Rio. Em alta velocidade, a roda subiu a calçada, atingiu Santana, que morreu na hora. A pancada foi tão forte que, após atingir Santana, a roda bateu no tronco de uma árvore, atingiu uma carrocinha de sanduíches, acertou a parede do edifício de número 3.131, destruindo duas placas de mármore, quebrou um vaso de planta e foi parar a 200 metros de distância do ônibus.

Roda de ônibus da empresa Vitória Tur Rio se soltou e atingiu um homem próximo a ponto de ônibus na Cidade NovaSeverino Silva / Agência O Dia

“Ele passou, falou comigo e depois só ouvi o grito de uma mulher. Foi quando o vi já caído e a roda vindo em minha direção. Na hora segurei a barraca. Voou bala para tudo quanto é lugar e danificou a alça da carroça. Nasci de novo”, contou Tadeu Souza, que trabalhava na barraca na hora do fato.

Segundo relatos de amigos, Evaldo, que era chefe de limpeza do Centro Empresarial Cidade Nova há quatro anos, e sempre saía por volta das 5h30 do trabalho, demorou além do costume para seguir para a Central. Ele caminhava de cabeça baixa e se preparava para colocar os fones de ouvido.

Alta velocidade

“Por isso, ele não viu a roda, estava desatento. O rapaz trabalha quatro anos com você e, de repente, morre assim. Era uma pessoa ótima. Imagina se isso acontecesse em um dia de semana, com grande movimento nesse ponto?”, indagou o segurança Edivaldo Alves Dias.

Duas placas de mármore de revestimento do Centro Empresarial Cidade Nova foram atingidas pela rodaSeverino Silva / Agência O Dia

O motorista prestou depoimento na delegacia e foi liberado em seguida. Segundo testemunhas, o ônibus estaria em alta velocidade. De acordo com a advogada da empresa de viação, que não quis dar declarações sobre o acidente, o condutor seguiu direto, em estado de choque, para um hospital.
A polícia procura imagens de câmeras de segurança instaladas no local onde ocorreu o acidente para análise.

?Ônibus tem mais de 15 infrações?

O ônibus, de placa KUU-4212, do Rio de Janeiro, tem um longo histórico de multas. Ao todo, pelo site da prefeitura, estão registradas mais de 15 infrações por excesso de velocidade, avanço de sinal, estacionamento proibido, entre outras.

Técnicos da Polícia Civil constataram irregularidades em outra roda do veículo. Um dos pneus da parte traseira estava sem dois parafusos de sustentação. Uma hipótese para o acidente é justamente a falta de manutenção do equipamento.

Roda atingiu homem%2C bateu na carrocinha%2C acertou uma árvore%2C destruiu vaso de planta e duas placas de mármore e foi parar a 200 metros do local do acidenteSeverino Silva / Agência O Dia


Você pode gostar