Barra Mansa ganha faculdade pública

Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (Faeterj) vai iniciar as atividades em agosto

Por O Dia

A Faeterj vai funcionar no mesmo local da Faetec de Barra Mansa, que fica localizada na Rodovia Doutor Sérgio Braga, s/n°, no bairro Barbará
A Faeterj vai funcionar no mesmo local da Faetec de Barra Mansa, que fica localizada na Rodovia Doutor Sérgio Braga, s/n°, no bairro Barbará -

Rio - Barra Mansa acaba de ganhar uma faculdade pública. E o primeiro curso superior a ser oferecido pela Faculdade de Educação Tecnológica do Estado do Rio de Janeiro (Faeterj) será o de Tecnologia em Sistemas para Internet, com foco em empreendedorismo digital. Localizada no bairro Barbará, a instituição já está com inscrições abertas. As inscrições têm início hoje, dia 12, e vão se estender até 24 de julho.

No total, o curso de Tecnologia em Sistemas para Internet contará com 60 vagas 30 no turno da manhã, com aulas diárias de 7h30 às 12 horas; e à noite, de 18h30 às 22 horas. São dois anos e meio de duração, com diploma emitido pela Faetec, com chancela da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ). As aulas começam na segunda quinzena de agosto. O edital completo e a ficha de inscrição estão no site https://www.faetec.rj.gov.br/index.php/inscricoes/concursos/103-enem-faeterj-barra-mansa-2018.

De acordo com Ricardo Said, diretor da Faeterj, a seleção dos candidatos será realizada com base na nota do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). "Os alunos poderão utilizar o resultado do Enem de um dos três últimos anos 2015, 2016 ou 2017. O curso possibilitará a imersão no ecossistema digital, da criação, manutenção e gerenciamento de sites, portais e aplicativos, até o desenvolvimento de projetos de marketing digital, a criação de start-ups e aplicativos mobile para plataformas Android e IOS", adianta Said.

Para o secretário de Educação Vantoil de Souza, o curso servirá para incentivar os jovens da cidade. "É um curso inovador, que motiva os adolescentes a adquirirem novos conhecimentos e os capacita para o mercado de trabalho, suprindo a demanda reprimida e crescente por profissionais da área", avalia.

Comentários

Últimas de O Dia no Estado