Hospital Pasteur inaugura pediatria com tecnologia de ponta

Pronto-socorro pediátrico na Zona Norte tem capacidade para atender 5 mil crianças por mês

Por O Dia

Emergência pediátrica conta com três salas de triagem e seis consultórios
Emergência pediátrica conta com três salas de triagem e seis consultórios -

Rio – Com um investimento de R$ 23 milhões, o Hospital Pasteur inaugura no próximo dia 25, uma emergência pediátrica com capacidade para atender cerca de 5 mil crianças por mês. Antes, o serviço era apenas para pacientes adultos. A nova emergência ocupará um prédio anexo de 10 andares, localizado na Rua Silva Rabelo. 

A emergência pediátrica conta com área total de 1.000 m² e é composta por três salas de triagem, seis consultórios, oito boxes de observação e dez poltronas de medicação. Mais de cem profissionais foram contratados, entre médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem e maqueiros. A ala de internação, com 40 leitos, será inaugurada até dezembro, ajudando a contornar um déficit regional. Entre 2010 e 2016, a cidade do Rio registrou uma queda de 38% no número de leitos privados de internação pediátrica – de 526 para 325 –, segundo o Ministério da Saúde. 

INTEGRAÇÃO

No âmbito dos serviços de emergência, apesar da Zona Norte do Rio contar com algumas opções de clínicas que oferecem pronto-socorro pediátrico, o número de hospitais gerais com capacidade para realizar atendimentos de alta complexidade para o público infantil é limitado. De acordo com Rogério Reis, diretor executivo do Hospital Pasteur, esse é o grande diferencial que a instituição pode oferecer. “Contaremos com toda a estrutura já existente no Pasteur para dar suporte à ala pediátrica, de forma integrada. Isso engloba desde leitos de UTI infantil – que já existem no prédio principal e serão transferidos para a nova unidade – até a realização de tomografia e de ressonância. Essa retaguarda é um grande diferencial para um serviço de emergência”, destaca o médico.

Últimas de Vida Saudável