ONG recolhe lacres de latinhas de alumínio para produzir cadeiras de rodas

Equipamentos serão doados para crianças de baixa renda. Casa do Médico terá pontos de coleta

Por Marina Cardoso

A pequena Tayná Freitas é conhecida como 'Rainha do Lacre' por seu empenho na coleta do material
A pequena Tayná Freitas é conhecida como 'Rainha do Lacre' por seu empenho na coleta do material -

Parece difícil de imaginar, mas lacres de refrigerantes podem virar cadeiras de rodas. E é com esta ideia que a ONG One By One, com apoio da Casa do Médico, promove a Campanha Lacre Solidário que tem o objetivo de arrecadar o material para produção de cadeiras de rodas, com o propósito de proporcionar mobilidade e inclusão social para crianças de baixa renda e com necessidades especiais.

A fundadora da ONG, Teresa Mucci, explica que a campanha só é possível se muita gente aderir. "Até o momento, a organização entregou três cadeiras produzidas só de lacre. Por isso, é preciso uma grande equipe de parceiros, como a Casa do Médico, para que esse número cresça", explica.

A campanha se mostra necessária, pois apenas para produzir uma cadeira são necessárias 770 garrafas pets de 2 litros cheias de lacres. Umas das pessoas envolvidas no projeto é Tayná Freitas, 13 anos, conhecida carinhosamente na ONG como 'Rainha do Lacre', por ajudar arrecadar lacres. No início deste ano, ela foi contemplada uma das cadeiras. "Minha filha ganhou uma cadeira, mas não ficou satisfeita só em ter a dela. Por isso, ela resolveu juntar garrafas cheias de lacres para ajudar outras pessoas", conta a mãe Lucimar Gomes, 43 anos.

PONTOS DE COLETA

Os lacres podem ser entregues em garrafas pets em uma das seis lojas da Casa do Médico localizadas na Barra da Tijuca, Freguesia, Ipanema, Copacabana, Marechal Hermes e Nova Iguaçu. "O que motiva é a gente conseguir atender cada vez mais crianças que precisam de cadeira de rodas", explica Marcelle Zequini, diretora da Casa do Médico.

Comentários

Últimas de Vida Saudável