Mais Lidas

Em entrevista, Naldo Benny relembra os tempos que integrou a Intrépida Trupe

Cantor lança CD e DVD, faz uma prévia de sua nova turnê, apresenta programa na Globo e anuncia planos internacionais

Por daniela.lima

Rio - Naldo Benny está mesmo intrépido: além de se preparar para um show na Fundição Progresso, amanhã, e lançar os novos CD duplo e DVD ‘Multishow Ao Vivo’, ele está prestes a estrear como apresentador de televisão, no programa dominical ‘Sai do Chão’, que a Globo apresenta em janeiro. 

Naldo Benny cada vez quer mais%3A lança CD e DVD%2C faz uma prévia de sua nova turnê%2C apresenta programa na GloboFernando Souza / Agência O Dia


“Sou muito intrépido mesmo. Quando as coisas estão calmas demais, eu quero sempre acelerar”, atesta Naldo, literalmente saindo do chão na cama elástica da Intrépida Trupe. “Isso aqui eu fazia todo dia!”

Sim, antes do estouro da onipresente ‘Amor de Chocolate’ (aquela do verso-chiclete “vodca ou água de coco”), o funkeiro passou um ano, entre 2008 e 2009, com a turma do grupo de atores-acrobatas. E topou voltar ao QG da Trupe, que fica dentro da própria Fundição Progresso, para relembrar aquele tempo. “Até hoje eu aplico o que aprendi aqui nos números de dança do meu show”, conta. “Eram 40 minutos de alongamento, seguidos por uma série de exercícios no solo. Depois, ia para a cama elástica. A ralação era punk, mas o condicionamento físico fica dez! Só esses dias consegui voltar a malhar firme, a correr 6km em 30 minutos, coisa que eu fazia rindo na época da Intrépida.”

Naldo chegou à Trupe graças à dica do irmão, Lula, com quem formou dupla no início da carreira e que foi encontrado carbonizado em uma favela depois de um mês desaparecido.

“A primeira vez que vim aqui foi um dia antes de perder meu irmão”, emociona-se Naldo. “Ele sugeriu que eu buscasse estudar elementos de dança para incorporar ao nosso show. Meu irmão foi um anjo bom para mim, porque na Intrépida Trupe foi onde consegui a liberdade para me soltar no palco”, descreve o cantor, que na nova turnê volta a se empenhar na dança e recebe o apoio de oito dançarinos, que “voam” com movimentos precisos.

E cada vez Naldo quer mais. O megaespetáculo registrado no DVD ‘Multishow Ao Vivo’ é um dos passaportes que, aposta ele, vai levá-lo a conquistar o mercado internacional, um sonho antigo. Este ano, inclusive, foi de celebração pela consolidação de parcerias com rappers como Fat Joe, Ja Rule, Chris Brown, Kanye West e Will Smith.

“Naldo é meu amigo e um grande artista. Curti muito o seu flow. Ele pode contar comigo sempre!”, elogia o norte-americano Fat Joe, que gravou a música ‘Se Joga’ com o brasileiro.

Sucesso Brasil afora com a sua ‘Amor de Chocolate’, Naldo considera que a hora de invadir a praia gringa está bem perto: “Minha carreira finalmente está consolidada no Brasil. E sou bem respeitado lá fora. Circulo pelos melhores estúdios de Miami como se estivesse no Rio. E esses caras todos são doidos pelo Rio.” 

Naldo posou mostrando os exercícios que fazia na Intrépida Trupe%3A no tecido e na cama elásticaFernando Souza / Agência O Dia



SAI DO CHÃO

As tardes de domingo na Globo em janeiro serão ao som de Thiaguinho, Paula Fernandes, Naldo Benny, a dupla Jorge & Mateus, Anitta e Luan Santana. Eles recebem convidados, com quem protagonizam shows inéditos, sempre criando novos arranjos. A proposta é que seja uma mistura de gêneros: pagode com funk, sertanejo com samba... Além da salada musical, os anfitriões mostram camarim e os bastidores
das gravações.

“Eu mandei bem como apresentador! Pô, o camarim era um espetáculo, tinha até uma cesta de basquete e bancos no formato de caixas de som. Gostei tanto que pedi para levar tudo para casa no final, vai decorar meu estúdio, na Freguesia”, entusiasma-se Naldo.

Seus convidados no programa são Buchecha, Gaby Amarantos e a dupla Bruno & Marrone. “Considero que a música sertaneja é muito rica em arranjos e melodias. Escolhi uma canção deles para a gente dividir, ‘Já Não Sei Mais Nada’. Fiquei com medo de acharem que eu seria um artista menos capaz, por vir do funk, mas no final o Bruno me abraçou e disse que foi surpreendente”, alegra-se.

Com Gaby Amarantos, Naldo dividiu a sua ‘Se Joga’. “E o Buchecha é um amigo antigo, é padrinho do meu filho. Lembro de, uns dez anos atrás, eu falar pra ele: ‘Um dia você vai me ver na Globo!’ Portanto, o encontro com ele foi especial, muito emocionante mesmo”, derrete-se Naldo. 


Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia