'Nunca tive pudor com meu corpo', diz Carol Oliveira

Quase 15 anos após ter estreado na TV, atriz fala das primeiras cenas de sexo em série do GNT e comenta injustiças contra a mulher em casos de vazamento de vídeos sexuais

Por Gabriel Sobreira

Carol Oliveira
Carol Oliveira -

Rio - Mesmo depois de quase 15 anos, as pessoas ainda param Carol Oliveira, 25 anos, e disparam o fatídico "como você cresceu", comparando-a com a época em que ela protagonizava 'Hoje é Dia de Maria', minissérie da Globo, em 2005. Ela tinha 11 anos. "Às vezes, sinto como se todo mundo fosse meio que uma tia meio que distante (risos). Mas acho que Maria Clara está aí para acabar com isso de uma vez", diz a atriz, que pela primeira vez na carreira fez cenas de sexo.

"Nunca tinha feito cena de sexo antes. Não tinha ideia de como ia ser. Mas acabou que, no fim das contas, foi supertranquilo. O João (Jardim, diretor) soube dirigir isso de uma forma muito delicada", comemora ela, que protagoniza um dos episódios da série 'Vítimas Digitais', no ar toda segunda-feira, no GNT. Carol diz que não tem vergonha do corpo justamente por ter crescido no meio de TV. "Nunca tive pudor com meu corpo. Ter que ficar sem roupa não era uma questão para mim. A questão mesmo era como é que vamos fazer isso (a cena) para não parecer gratuito, para não ficar fora do contexto, para ficar bonito e fazer parte da história. E confesso que ficou muito legal, melhor do que imaginava", entrega ela, com bom humor.

PORNOGRAFIA DE REVANCHE

Na série, Maria Clara (Carol) tem vídeos íntimos divulgados pelo ex, Arthur (João Pedro Zappa), da época em que eles estavam juntos. Ele não aceita o término do relacionamento, invade o e-mail da ex e envia as imagens para familiares dela e colegas de trabalho. A personagem só descobre isso tarde demais, quando já havia se transformado de professora universitária em vergonha da cidade. "A produção me mostrou uma pesquisa dizendo que 80% dos casais saudáveis e sexualmente ativos se filmam fazendo sexo. Na série, eles faziam (os vídeos) para eles, porque gostavam. Tudo em um espaço de total confiança, porque você fazer uma coisa dessas precisa estar à vontade", justifica a atriz.

"Para a mulher, mesmo que ela consiga a 'justiça' e que ela ganhe o processo, o que ela perdeu é muito maior do que as perdas do cara. Ela perdeu a intimidade, perdeu a família, e o cara no fim das contas perdeu algum dinheiro e algumas cestas básicas. Ele não foi preso, humilhado, nem nada", critica ela.

INJUSTIÇADA

De acordo com Carol, o mundo ainda é muito injusto com a mulher. "Se o cara aparece em um vídeo desses, ele é tido como garanhão, o incrível, e a mulher é vista como 'a puta'. Mais produções como essa ('Vítimas Digitais') ajudam a trazer luz sobre essas situações machistas", defende.

Além de chamar a atenção do público para um problema cada vez mais comum na sociedade, Carol tinha "segundas intenções" ao aceitar o convite para filmar a produção. "Me seduziu o fato de que a personagem não se vitimizou, não ficou no lugar de coitada, tipo: 'acabou minha vida e agora já era'. Ela foi à luta. É obvio que ela ficou sem chão, mal, teve muitas perdas com essa situação, mas ela não ficou nesse lugar de vítima. Ela foi atrás dos direitos dela e buscar justiça", exalta a intérprete. "A maioria das pessoas que passam por qualquer tipo de assédio tem esse tipo de reação. Nos sentimos culpadas, como se tivéssemos feito alguma coisa errada. Mas a Maria Clara não se sente culpada. Ela tem plena certeza de que a culpa é do cara e que ela não fez absolutamente nada de errado", acrescenta.

BLINDADA

Carol recorda casos de famosos que passaram por situações em que tiveram seus celulares invadidos por hackers. "Hoje em dia, acho muito fácil ser hackeado por alguém. Às vezes, você deixa seu celular na assistência técnica", avalia. Quando questionada se já fez vídeos similares aos da personagem, a atriz prefere não arriscar. "Acho bem perigoso. Tem coisas que prefiro me blindar (risos). Também porque a gente vive em um mundo muito inseguro nessa questão (invasão de celulares). Está cheio de casos por aí", afirma ela, que vai viver Kira em 'Gênesis', próxima novela da Record TV. "Só posso dizer que é uma das filhas de Adão e Eva", adianta.

ROMANCE

Na vida pessoal, Carol namora há um ano e meio o ator argentino Juan Ciancio. O casal se conheceu nos bastidores da série 'Juancas', da Disney, e desde então não se desgrudou mais. "Não esperava conhecer o meu amor no trabalho. Estava em um momento bem, sozinha, plena, e não procurando ninguém. Não estava mal e não procurando. Estava de boa. Nem estava pensando nisso", diverte-se ela, que divide o mesmo teto com o amado desde o começo do ano. "Adoro morar junto, trabalhar o dia inteiro e saber que vou chegar em casa e a gente vai estar junto. É o meu porto seguro", derrete-se a atriz, apaixonada.

Quando o assunto é casamento, Carol diz não ter pressa, uma vez que os dois já moram juntos. Ela não faz questão de festa muito grande. Na verdade, nunca foi fã de festas, tanto que nem teve a de 15 anos. "Mas acho bonito o casamento, essa ideia de juntar duas pessoas e formar uma família. Se der vontade de casar um dia, a gente casa. Se não der, tudo bem".

 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Carol Oliveira fotos Lucio Luna/Divulgação
Juan Ciancio e Carol Oliveira Reprodução
Carol Oliveira na série 'Vítimas Digitais', do GNT Karima Shehata/Divulgação
Carol Oliveira na série 'Vítimas Digitais', do GNT Karima Shehata/Divulgação
Carol Oliveira na série 'Vítimas Digitais', do GNT Karima Shehata/Divulgação
Carol Oliveira Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação
Carol Oliveira em 'Hoje É Dia de Maria', da Globo Globo/Divulgação
Carol Oliveira em 'Hoje É Dia de Maria', da Globo Globo/Divulgação
Carol Oliveira em 'Hoje É Dia de Maria', da Globo Globo/Divulgação
Carol Oliveira em 'Hoje É Dia de Maria', da Globo Globo/Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação
Carol Oliveira Lucio Luna/Divulgação

Comentários