Fundec vira objeto de estudo por causa de projeto de música

Polo no bairro Laureano recebeu a visita de renomado professor nesta semana

Por O Dia

Fundec vira objeto de estudo por causa de projeto de música
Fundec vira objeto de estudo por causa de projeto de música -
Duque de Caxias - Na tarde da última quarta-feira, 6, o presidente da Fundec, professor Joílson Cardoso, juntamente com o diretor de Educação Marcio Coutinho e o maestro Tiago Farias receberam o professor e músico Arthur Dutra, acompanhado do professor de percussão Rafael de Oliveira.
Polo de Música da Fundec, no Laureano, recebeu a visita de professor renomado - Divulgação
Arthur Dutra, atualmente dá aulas na Escola de Música da Rocinha, já trabalhou no Centro Ian Guest de Aperfeiçoamento Musical e na Pós- graduação do Conservatório Brasileiro de Música. Com 20 anos de carreira, o professor, que é bacharelado em vibrafone - jazz pela Universidade da Cidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos e em Ciências Sociais na PUC – RJ, mestre em filosofia pela UFRJ e doutorando em Música/Musicologia na Universidade de Rouen-Normandia (França), está realizando uma Pesquisa sobre a recepção das músicas improvisadas e escolheu a Fundec como objeto de estudo.

Através de oficinas ministradas no Polo de Música Ricardo Boechat – Doutor Laureano, ele está implantando um método de aprendizado por meio da improvisação. Os alunos de percussão estão aprendendo a improvisar e desenvolver uma ligação forte entre a audição e o instrumento. A intenção é reunir, além dos estudantes, outras pessoas que tenha o apreço pela música e mostrar que eles são capazes de tanger um instrumento.
Arthur Dutra com o presidente da Fundec, Joílson Cardoso - Divulgação
“A Fundec foi escolhida em razão da sua estrutura, importância e pioneirismo na Baixada Fluminense. Eu achei o polo maravilhoso e muito bem montado, além do mais, fui muito bem recebido por todos, então sei que fiz a escolha certa”, declarou Arthur.

O professor de percussão Rafael de Oliveira auxilia nas oficinas e reforça a importância desse trabalho no Polo de Música:
“Minha função é ser um facilitador entre as duas partes, porém, quem desenvolve tudo é o Arthur, eu apenas ajudo. É importante vermos nossa cidade crescendo em questão cultural, ficamos felizes com isso”.

O projeto são oficinas rotativas, educativas e recreativas, para jovens e adultos. Aqueles que estiverem interessados em explorar sonoramente esses instrumentos devem procurar o Polo de Música Ricardo Boechat, localizado na Avenida Doutor Laureano, 895 (loja B) - Dr. Laureano.

Galeria de Fotos

Fundec vira objeto de estudo por causa de projeto de música Divulgação
Fundec vira objeto de estudo por causa de projeto de música Divulgação
Fundec vira objeto de estudo por causa de projeto de música Divulgação

Comentários