Alex Santana diz que Botafogo se adaptou ao estilo de jogo de Barroca

Glorioso levou a melhor e derrotou o Fortaleza

Por ESTADÃO CONTEÚDO

Alex Santana
Alex Santana -
Rio - Recuperado de um desconforto muscular, o volante Alex Santana entrou no Engenhão no segundo tempo e acabou marcando o gol da vitória do Botafogo sobre o Fortaleza, por 1 a 0, neste domingo, pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. O herói da vitória destacou a adaptação do time ao estilo do técnico Eduardo Barroca.
"Ele pede para a gente valorizar a posse de bola, tanto que neste jogo, de novo, a gente teve maior posse de bola do que o adversário. É um estilo que se encaixa bem ao Botafogo, que tem vários jogadores qualificados", explicou Santana, autor de seis gols na temporada.
Neste domingo, um dos destaques do jogo foi o atacante Erik, que criou duas chances reais de gol ainda no primeiro tempo. "Na primeira eu cabeceie bem e na segunda eu também tentei tirar, mas o goleiro deles (Felipe Alves) foi muito bem e fez duas grandes defesas. O importante é insistir até sair o gol. E foi o que aconteceu", relatou.
Eduardo Barroca deu os méritos aos jogadores pela segunda vitória e reafirmou a necessidade de conseguir resultados de imediato. Tudo depois da fraca campanha no Campeonato Carioca e da eliminação precoce na Copa do Brasil. "Acho que este foi um jogo mais tático, porque eu sabia que seria decidido nos detalhes", declarou. Segundo ele, a ordem é manter o trabalho e o foco na competição.
Esta foi a segunda vitória seguida do time no Engenhão, porque no meio de semana fez 3 a 2 sobre o Bahia. Na estreia tinha perdido para o São Paulo, por 2 a 0, no Morumbi. Na próxima rodada, o time carioca fará o clássico com o Fluminense, no Maracanã, sábado a partir das 16 horas.
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários