Barroca abre o jogo para bater o Cruzeiro

Sem segredo, técnico divulga escalação para a partida de amanhã, no Mineirão, no retorno ao Campeonato Brasileiro

Por MH

O técnico Eduardo Barroca confirmou o Botafogo que enfrenta o Cruzeiro
O técnico Eduardo Barroca confirmou o Botafogo que enfrenta o Cruzeiro -

Depois de um mês de preparação intensa, durante a disputa da Copa América, o Botafogo está prestes a reiniciar o Campeonato Brasileiro tendo pela frente o Cruzeiro, amanhã, às 16h, no Mineirão. E para esse compromisso o técnico Eduardo Barroca confirmou que os titulares serão os dos dois últimos treinamentos.

Sendo assim, o Alvinegro enfrenta a Raposa com Gatito Fernández, Marcinho, Joel Carli, Gabriel e Gilson; Gustavo Bochecha, Alex Santana e João Paulo; Erik, Diego Souza e Luiz Fernando. Sem o volante Cícero, fora por causa de dores musculares, Gustavo Bochecha ganha uma chance no meio de campo.

De acordo com Barroca, o período foi fundamental para o Glorioso ter o seu estilo de jogo lapidado. E o comandante espera que o resultado de todo esse trabalho já apareça em Belo Horizonte.

"A gente treinou bastante tudo o que precisava desenvolver e vai buscar um jogo de controle, mas precisa evoluir na pressão para ter maior posse de bola. A gente também se desenvolveu em como controlar o jogo e transformá-lo em oportunidades", destacou.

O técnico confirmou que o recém-contratado Biro Biro deverá ganhar uma chance amanhã, mas, como chegou há pouco tempo, entrará no decorrer da partida.

"Tenho planos de usá-lo. Me agrada. Tem drible, finta, improviso e capacidade de enfrentamento no um contra um. Estou bem satisfeito com esse início dele. Chegou bastante entrosado e adaptado. Com certeza, vai ser muito útil contra o Cruzeiro e na temporada toda", afirmou Barroca.

LOCO ABREU PODE VOLTAR

O ídolo alvinegro Loco Abreu pode encerrar a carreira no Botafogo. Segundo o jornalista Thiago Franklin, em seu canal no Youtube, o uruguaio deve disputar O Carioca do ano que vem pelo Glorioso, em comemoração ao aniversário de dez anos da 'cavadinha' na final contra o Flamengo. Aos 42 anos, ele defende atualmente o Boston River-URU.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários