Clima tenso! Torcedores invadem treino do Botafogo para cobrar elenco

Grupo conseguiu entrar no Estádio Nilton Santos e conversar com o treinador Eduardo Barroca para exigir resultados no Brasileirão

Por Lance

 Barroca
Barroca -
Rio - O clima é de tensão no Botafogo, depois da terceira derrota seguida no Brasileirão. Após a sede do clube, em General Severiano, ter amanhecido com os muros pichados com frases de protestos, um grupo de cerca de 15 torcedores invadiu o treinamento da equipe, na tarde desta quarta-feira, no campo anexo do Estádio Nilton Santos. O técnico Eduardo Barroca foi quem tomou a frente para conversar com os invasores e um pequeno bate-boca foi travado.

Ainda não estão claras as circunstâncias em que se deu a invasão. Mais cedo, alguns botafoguenses protestavam no portão de acesso à jornalistas, mas não se sabe como conseguiram entrar. O gerente de futebol alvinegro, Anderson Barros, solicitou a saída dos torcedores do gramado, mas não foi atendido.

Barroca foi quem mais falou e se esforçou para conter os mais exaltados. Com a confusão, funcionários do clube solicitaram a saída da imprensa do local.

A invasão do treino do Botafogo, ocorre dias depois de situações semelhantes terem no Fluminense e no Cruzeiro.

Para amenizar a crise, o Botafogo vai tentar vencer o Tricolor, no Clássico Vovô, do próximo domingo, no Nilton Santos. A partida válida pela 23 ª rodada do Campeonato Brasileiro, será realizada às 16h (de Brasília).

Comentários