Autuori classifica estadual como 'Carioquinha' e fala em reforços no Botafogo

Botafogo foi eliminado no último domingo após empate sem gols contra o Fluminense

Por O Dia

Autuori confirmou a estreia do equatoriano Loco Cortez, que vem treinando bem
Autuori confirmou a estreia do equatoriano Loco Cortez, que vem treinando bem -
Rio - Após a eliminação na Taça Rio no último domingo, em empate sem gols contra o Fluminense, o Botafogo já se movimenta no mercado em busca de contratações. Em entrevista coletiva após o duelo, o treinador Paulo Autuori afirmou que o clube está procurando reforços e aproveitou para alfinetar mais uma vez a Ferj, classificando o estadual como 'Carioquinha'.

“A gente precisa de um olho aqui e outro no futuro. Cheguei há pouco tempo, campeonato logo parou pela pandemia. Foram 90 dias, voltamos... Eu nem ia fazer substituição hoje se não houvesse nada com o Caio [Alexandre] e Luis Henrique. Preciso fazer com que essa equipe jogue e ganhe organização. Sabe por quê? Porque vamos parar um mês. E vamos fazer amistosos com quem, se os outros times estarão disputando Estaduais?", disse Autuori, que emendou:

"Estamos solidificando coisas para dar um salto, construir algo. Claro que todo mundo quer ganhar, ganhar... É um Carioquinha. Fizemos aquilo que tínhamos de fazer. Foi a única competição que voltou de forma açodada. Nossa preocupação é em construir uma equipe. Vão vir jogadores para o Brasileiro, mas que saibamos que serão importantes pela qualidade técnica e competitiva. O clube não tem condições de investir, tem de ficar atrás de oportunidade de negócio", encerrou.

Comentários