Pelo fim da sequência de empates

Depois de ficar na igualdade nos últimos quatro jogos, Botafogo busca a primeira vitória no Brasileirão

Por O Dia

Após dois empates nas primeiras rodadas, o Botafogo encara o Atlético-MG, hoje, às 21h30, no Nilton Santos, em busca da primeira vitória no Campeonato Brasileiro. Mas o adversário é uma pedreira. Comandado por Jorge Sampaoli, o Galo é líder isolado da competição, com nove pontos — 100% de aproveitamento — e vai exigir do Glorioso um nível de atuação ainda não apresentado na temporada.

Para reencontrar o caminho das vitórias, o time de Paulo Autuori precisa, primeiramente, acertar a pontaria. Nas últimas quatro partidas, a equipe só balançou a rede uma vez em jogos oficiais, com Matheus Babi, no empate em 1 a 1 com o Bragantino. Recuperado da covid-19, o centroavante Pedro Raul, artilheiro do time na temporada, com cinco gols, tem chance de entrar em campo hoje e é a maior esperança de melhores resultados para os alvinegros. Cícero, também curado, é outro que pode ficar à disposição.

Se tem sido difícil marcar gols, pelo menos a defesa não tem comprometido. O resultado disso é a série de empates da equipe, que está invicta após a pandemia. Em cinco jogos, o time venceu o primeiro — goleada de 6 a 2 na Cabofriense — e empatou os quatro seguintes, três deles em 0 a 0. Agora, porém, o time enfrenta o melhor ataque da competição, que marcou seis gols nas três primeiras rodadas.

VICTOR LUÍS É DESFALQUE

E para dificultar o trabalho da defesa alvinegra, o lateral-esquerdo Victor Luís vai ser desfalque nos próximos jogos. Com apendicite, ele foi operado ontem para a retirada do apêndice e pode permanecer afastado por até três semanas, perdendo pelo menos as próximas cinco rodadas do Campeonato Brasileiro.

Para substituir Victor Luís, titular absoluto, Guilherme Santos e Danilo Barcelos são as principais opções de Autori. O segundo é favorito para assumir a posição, já que Guilherme tem atuado como ponta nos últimos jogos.

Comentários