Por thiago.antunes

Rio - No segundo dia da Operação Papai Noel Saudável, realizada nesta terça-feira por fiscais do Procon, foram apreendidos cerca de 300 kg de alimentos impróprios para o consumo, dentre os quais muitos produtos natalinos com validade vencida ou não especificada; sem data de fabricação ou com a embalagem danificada.

Na Casa Pedro, armazém especializado em venda de alimentos a granel, nacionais e importados, na Rua Conde de Bonfim, 480, a equipe de fiscalização flagrou cerca de 240 kg de alimentos fora do padrão, como bacalhau, camarão, frutas secas e cristalizadas, temperos, farinhas, aperitivos e produtos naturais. As mercadorias foram levadas para a sede da Comlurb e serão descartadas.

Fiscais do Procon recolheram alimentos impróprios em estabelecimentos na TijucaDivulgação

Já no Supermarket da Rua Conde Bonfim, 703, a fiscalização encontrou 55,7kg de alimentos que não deveriam estar à venda. Foram inutilizados 29,2 kg de frango; 15,3 kg de carré; 6,7kg de peixes; ½ kg de camarão e 4 kg de queijos.

Os estabelecimentos receberam multas no valor de R$ 46.123,80, cada um. Na semana passada, uma blitz do Procon Carioca e Delegacia do Consumidor (Decon) apreendeu 81 kg de alimentos em dois supermercados do Centro e Laranjeiras.

Você pode gostar