Arquidiocese celebra fim das obras de restauração do Cristo Redentor

Monumento ganhou quatro câmeras e o visitante poderá conferir o registro numa rede social. Além disso, foram instalados novos para-raios e uma manta protetora

Por paulo.gomes

Rio - O cardeal arcebispo do Rio, Dom Orani Tempesta, celebrou na manhã desta sexta-feira uma cerimônia de restauração do Cristo Redentor. As obras tiveram início do ano, após partes do Monumento terem sido danificadas por raios que o atingiram em dezembro de 2013 e janeiro de 2014. De acordo com o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), o Cristo Redentor, até então, vinha sendo atingido, em média, por seis raios a cada ano.

Mesmo com o mau tempo que faz no Rio nesta sexta-feira%2C o cardeal Dom Orani Tempesta%2C ao lado do Padre Omar Raposo%2C realizou a cerimônia de restauração do Cristo RedentorCacau Fernandes / Agência O Dia

Além de Dom Orani, a cerimônia contou com a presença do Padre Omar Raposo, reitor do Cristo Redentor do Corcovado, Paolo Dal Pino, presidente da empresa que patrocinou a obra, entre outros convidados.

A restauração aconteceu nos dedos polegar, indicador e médio da mão direita e em quatro pontos da cabeça. Além disso, o Monumento ganhou novos para-raios além de uma manta protetora. Mas a grande novidade foi a instalação de quatro câmeras na cabeça do Cristo, onde os visitantes poderão ser fotografados e verem o registro nas próprias redes sociais.

As câmeras instaladas, além de filmarem o local e fotografar os visitantes, estarão voltadas para a Lagoa Rodrigo de Freitas e a Baía de Guanabara, mostrando, em tempo real, imagens destes locais a partir da visão do Cristo.

“É uma alegria vermos o Monumento completamente restaurado! E é maravilhoso termos conseguido ampliar seu sistema de proteção contra as descargas atmosféricas sem que nele houvesse qualquer alteração estética. Lindo, como sempre, e mais protegido, o Cristo Redentor está de braços abertos para acolher peregrinos do mundo todo”, destacou Padre Omar Raposo.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia