UFF e UFRJ são as universidades mais concorridas no Rio

Cursos de Direito e Medicina lideram nas notas de corte do Sisu

Por nicolas.satriano

Rio - Após o segundo dia de inscrições, o curso de Direito da Universidade Federal Fluminense (UFF) registrou a nota de corte parcial mais alta do Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Para ingressar na instituição, o estudante precisa ter feito 824,21 pontos no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). A faculdade de Medicina da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) aparece em segundo lugar no ranking nacional, com 821, 81 pontos.

De acordo com o Ministério da Educação (MEC), o sistema registrou 2.320.624 inscritos até as 18h de desta quarta-feira, com média de 228 por minuto. No ranking divulgado pelo órgão, foram consideradas as instituições que oferecem todas as vagas pelo Sisu. O sistema usa as notas obtidas pelos candidatos no Enem de 2014.

Paula Freire%2C 19 anos%2C conseguiu uma vaga no sistema de cotas na UFRJ arquivo pessoal

Com 809,10 pontos marcados, a estudante Paula Freire, de 19 anos, obteve o suficiente para uma vaga por meio do sistema de cotas para alunos de instituições públicas na Medicina da UFRJ. “Estudei bastante, mas já esperava que seria apertado. É pouca vaga para muita gente. Além disso, o Rio é uma vitrine no país, então, vem muita gente para cá, aumentando ainda mais a concorrência”, disse a futura universitária.

Apesar do empenho, a estudante Luísa Dantas, 18, não teve a mesma sorte. “Me empenhei durante o ano, mas fiquei um pouco nervosa na hora da prova. Ver que minha nota dá para passar para outros cursos menos para Medicina é decepcionante”, afirmou.

A última nota de corte será publicada amanhã, a partir de 2h. Os candidatos têm até até as 23h59 desta quinta-feira para participar da seleção, no site sisu.mec.gov.br. Caso a nota de corte esteja muito acima da pontuação obtida, o estudante pode escolher outra instituição a qualquer momento, até o fim do prazo. O Sisu oferece 205.514 vagas em 5.631 cursos de 128 instituições públicas de Educação Superior.

No ato de inscrição, o candidato precisa definir se deseja concorrer às vagas de ampla concorrência, às vagas reservadas de acordo com a Lei das Cotas ou às vagas destinadas às demais políticas afirmativas das instituições. Ao todo, 82.879 (ou 40%) estão destinadas a estudantes que atendam aos requisitos da Lei de Cotas.

Reportagem de Lucas Gayoso

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia