Mauro Sahade Darzé: novas emoções nos aguardam

Como podemos ver, o Maracanã está em pleno funcionamento, em grande forma e de braços abertos para receber torcedores

Por Mauro Sahade Darzé Presidente do Maracanã

OPINA17JUL
OPINA17JUL -

Rio - A Copa do Mundo da Rússia, que chegou ao fim no domingo, mostrou, jogo após jogo, a imensa capacidade do futebol de unir as pessoas e todas as suas singularidades em torno deste que é o esporte mais popular do planeta. Aliás, no aspecto da união e congraçamento dos povos, nós brasileiros também devemos nos orgulhar de quatro anos atrás termos realizado um inesquecível Mundial.

Agora, a Copa do Mundo acabou, mas não haverá motivo para saudades. Poderemos continuar a amar o futebol no Maracanã, o mais icônico estádio do mundo e palco da final de duas Copas e do ouro olímpico de 2016. Agora, já amanhã, 18 de julho, a bola volta a rolar no aguardado Flamengo e São Paulo, que vale a liderança do Brasileirão.

O estádio, que recebeu seis das dez maiores bilheterias do país neste ano, mantém um rigoroso padrão de infraestrutura, organização e gramado. Este, aliás, obteve uma das melhores avaliações por parte da CBF (Confederação Brasileira de Futebol) entre todos os gramados nacionais. Mesmo assim, aproveitamos o intervalo da Copa do Mundo para trocar parte da grama, melhorando ainda mais o tapete para os artistas da bola.

O nosso objetivo é sempre esse: ter a casa pronta e arrumada para estar sempre lotada. Foi com base nesse princípio, o de atrair cada vez mais fãs do bom futebol, que celebramos um acordo de longo prazo com o Clube de Regatas Flamengo. O acordo vai permitir que todos - a grande nação rubro-negra, o clube e o Maracanã- possam se organizar melhor para que os torcedores venham sempre prestigiar seu time do coração com segurança e conforto.

E para manter o Maracanã com ocupação durante todo o ano, trabalhamos firmemente também em outras frentes para atrair shows e eventos, além de buscar novas atrações para o tour de visitação ao estádio. A estratégia tem dado certo. Entre jogos, eventos e visitantes, o Maracanã recebe cerca de 2 milhões de pessoas por ano.

Além de curtirem a emoção da presença nesse templo histórico, os visitantes e torcedores ajudam a movimentar o turismo e, consequentemente, a economia local e gerar empregos e renda, fazendo bem para toda a cidade.

No Maracanã, portanto, podemos usar com legitimidade o bordão "não é só futebol". Já está na nossa agenda um grande show marcado para outubro, quando o ex-Pink Floyd Roger Waters se apresentará no estádio. O Maracanãzinho também vai receber a seleção brasileira feminina de vôlei, no próximo mês, voltando a brindar a torcida com este esporte que tantas alegrias e títulos olímpicos e mundiais deu ao país.

Como podemos ver, o Maracanã está em pleno funcionamento, em grande forma e de braços abertos para receber torcedores, amantes da música e visitantes que vão até lá para conhecer as grandes glórias do esporte e da cultura mundiais.

Mauro Sahade Darzé é presidente do Maracanã

Galeria de Fotos

OPINA17JUL ARTE
Darzé Divulgação

Comentários

Últimas de Opinião