Homem rende pessoas na Tijuca

Equipes do 4º BPM (São Cristóvão) e do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foram acionados

Por karilayn.areias

Rio - Um policial civil aposentado, com cerca de 50 anos, teve um surto psicótico e rendeu duas pessoas na tarde desta sexta-feira, na Rua Martins Pena, na Tijuca, Zona Norte do Rio. Segundo a polícia, o suspeito abordou com coronhadas dois funcionários da empresa de telefonia Oi que trabalhavam em um prédio vizinho ao que o próprio reside. Armado com uma pistola 9 mm, o homem ameaçava matar a todos e também roubou as chaves e o celular de um dos agredidos. 

Policiais do 4º BPM (São Cristóvão) e do Batalhão de Operações Especiais (Bope) estiveram na Tijuca durante o ocorridoDaniel Castelo Branco / Agência O Dia

Transeutes que viram a abordagem do homem chamaram a polícia. Assustado com a chegada dos policiais do 4º BPM (São Cristóvão) e do Batalhão de Operações Especiais (Bope), o suspeito acabou entrando em um prédio, mas se rendeu após algum tempo de negociação. 

Alegando passar mal, o homem foi levado e socorrido no Hospital Municipal Souza Aguiar e, posteriormente, será encaminhado à Central de Garantias na Cidade da Polícia.

De acordo com moradores, o homem reside a menos de 20m do local do crime e costuma abordar pessoas que julga praticar atividades suspeitas, como se fosse um "xerife do bairro". Moradores também afirmam que ele tem o hábito de andar com uma arma na cintura. 









Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia