Publicitário que levou 'pé de pato na cara' em ônibus ganha artigo esportivo

Marca do produto que quebrou a lente do seu óculos entrou em contato para presenteá-lo

Por Beatriz Perez

Publicitário ganha par de pé de pato
Publicitário ganha par de pé de pato -
Rio - O publicitário que foi atingido por um pé de pato no rosto quando estava dentro do ônibus 457 recebeu um par do acessório esportivo nesta sexta-feira. A marca do produto que quebrou a lente do seu óculos na manhã de quarta-feira entrou em contato para presenteá-lo. Kim Maeno, 28, estava sentado ao lado da janela ouvindo música, quando levou o susto. Ele passava em frente à Policlínica Piquet Carneiro, da Uerj, na Tijuca.  
O passageiro estava no trajeto que sempre faz a caminho do trabalho, em Botafogo, quando foi atingido no rosto por um pé de pato arremessado para dentro do ônibus em que estava. 
Publicitário Kim Maemo foi atingido dentro do ônibus na Rua São Francisco Xavier, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio - Reprodução/ Facebook
A história viralizou na internet depois que Kim postou uma foto com o pé de pato em sua página no Facebook: "Acabaram de me acertar na cara com um pé de pato na janela do 457. MERMAO UM PÉ DE PATO", escreveu. Ao DIA, ele lamentou na quinta-feira não ter guardado o objeto de lembrança.
"Se soubesse da repercussão que o caso ganharia, teria guardado para pendurar o pé de pato na minha parede", brincou. Agora, ele tem um par do mesmo modelo que o atingiu para fazer o que quiser e lembrar sempre da história. 
Kim Maeno conta que ficou sem reação na hora do acidente: "Não entendi o que aconteceu. Eu estava de óculos. A lente rachou, poderia ter me machucado. O ônibus estava lotado. A senhora do meu lado também não entendeu nada e ficou preocupada".
Diante do fato inusitado os passageiros começaram a especular o que havia acontecido. A mulher que estava ao lado de Kim, achou que a ação poderia ter partido de algum usuário de droga.
Kim, no entanto, tem outra teoria. Ele acha que a intenção do autor era acordar um passageiro que estava dormindo na janela da frente, mas acabou perdendo o objeto na empreitada. "Eu tenho certeza que o pé de pato não foi lançado. Alguém deveria querer bater no vidro e o pé de pato entrou. Ninguém iria querer perder o acessório de marca. Pesquisei e custa uns R$ 300", conta.

Galeria de Fotos

Publicitário ganha par de pé de pato Reprodução
Publicitário Kim Maemo foi atingido dentro do ônibus na Rua São Francisco Xavier, em Vila Isabel, Zona Norte do Rio Reprodução/ Facebook

Comentários