Leaf 2018 - fotos divulgação
Leaf 2018fotos divulgação
Por O Dia

O Nissan Leaf, veículo elétrico mais vendido do mundo, está entre os dez finalistas do prêmio 'World Car of the Year' (melhor carro do ano, em tradução livre). Cerimônia de premiação ocorrerá no dia 28 de março, no Salão de Nova York. A indicação é um duplo reconhecimento à nova geração do elétrico, também finalista nos quatro últimos prêmios na categoria de carros verdes mundiais.

Revelado no Japão no final do ano passado, o Leaf foi completamente repensado. Agora, o modelo combina maior autonomia a um novo design dinâmico e tecnologias embarcadas. Para a definição da lista, o corpo de jurados era composto por 82 jornalistas especializados em automóveis de todo o mundo e os votos secretos, com base em sua avaliação de cada veículo em eventos exclusivos conduzidos pelo organizador do prêmio.

"O mundo está se movendo em direção aos carros elétricos em um ritmo acelerado. E o Nissan Leaf é um dos melhores", disse Paul Gover, um dos jornalistas automotivos mais respeitados da Austrália e jurado do 'World Car of the Year'.

Com o Nissan Micra, conhecido por aqui como March, também finalista na categoria 'Carros Urbanos Mundiais 2018', é a quinta vez na história de 14 anos do prêmio que um veículo da marca é finalista. O Nissan Leaf, da primeira geração, foi indicado como 'Carro Mundial do Ano' em 2011, com o Nissan QASHQAI fazendo a final em 2008 e 2015 e o Nissan GT-R em 2009.

Leaf no Brasil

O veículo que já foi protagonista de um programa de táxis elétricos no Rio deve começar a ser vendido aqui no Brasil em 2019. A informação da chegada no país foi antecipada pela diretoria da Nissan, no Salão do Automóvel de São Paulo do ano passado.

Lá fora, O Leaf é vendido em três versões. O carro tem propulsor que gera o equivalente a 150 cv de potência, 32,63 kgfm de torque e pode ter baterias que beiram os 400 quilômetros de autonomia. No velho continente, o modelo custa 21.990 euros (R$ 86 mil na conversão atual).

Você pode gostar
Comentários