Troller apresenta TX4 com câmbio automático por R$ 167 mil

Versão sem pedal de embreagem usa transmissão emprestada da Ford Ranger

Por O Dia

Modelo tem rodas aro 17 e pneus lameiros Pirelli Scorpion MTR 245/70 R17
Modelo tem rodas aro 17 e pneus lameiros Pirelli Scorpion MTR 245/70 R17 -

A Troller apresentou oficialmente, na última semana, o novo TX4 com transmissão automática. A versão chega para responder a pedidos de clientes e, pela primeira vez, eleva para dois o número de carros no portfólio da marca por aqui. Agora, além do conhecido T4 (manual), chega a versão automático TX4. A dupla tem preço sugerido de R$ 140.900 e R$ 167.530, respectivamente.

"Ouvimos os clientes, que há muito tempo pediam a opção da transmissão automática, e acrescentamos outros equipamentos de funcionalidade e estilo para criar o TX4. É um off-road radical e único, feito para ampliar o leque de consumidores da marca", diz Demétrio Fleck, gerente de Marketing, Vendas e Serviços da Troller.

Além do câmbio instalado na nova versão, a linha 2020 também traz sistema de diferencial traseiro blocante com acionamento elétrico por botão no console central, faróis com lâmpadas superbrancas e acendimento automático e faróis de neblina LED Hella de longo alcance e submersíveis.

Outros itens compõem o kit feito para quem vai se aventurar numa trilha pesada. Entre eles, snorkel, para-choques, estribos e protetores dianteiro e traseiro off-road em aço e pneus lameiros Pirelli Scorpion MTR 245/70 R17.

Para garantir a segurança, o modelo dispõe apenas de ganchos Isofix e cintos de segurança de três pontos para todos os ocupantes com alerta de uso para o motorista. Apesar de serem obrigatório para veículos de passeio tradicionais, os airbags dianteiros não precisam estar na lista de equipamentos dos modelos segmentados para o uso em trilhas (fora-de-estrada).

A motorização da dupla não é novidade. Os modelos seguem usando o motor Duratorq 3.2 Diesel emprestado das versões mais caras da Ranger. Com cinco cilindros, ele entrega 200 cv e torque de 47 kgfm de torque. O sistema de tração 4x4 tem comando eletrônico e seletor com opções 4x2, 4x4 High e 4x4 Low. A troca pode ser feita até 120 km/h.

A transmissão automática, novidade na linha, também é emprestada da Ranger. O câmbio tem seis marchas, com função de trocas manuais na manopla, e calibração exclusiva para rodar em condições adversas e em terrenos mais acidentados. A versão T4 mantém a caixa com transmissão manual de seis marchas.

Por dentro

No interior, a dupla traz detalhes em laranja nas saídas de ar e bancos personalizados, com costura laranja, o logotipo TX4 no encosto e forração em vinil. A central multimídia da JBL, com 6,75 polegadas, função de espelhamento Android Auto e Apple CarPlay e o ar-condicionado digital dual-zone se mantiveram na lista de itens. Completam a ordem de facilidades, os bancos bipartidos, tomada 12 V e painel com preparação para instalação de dispositivos de navegação de GPS.

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Galeria de Fotos

Modelo tem rodas aro 17 e pneus lameiros Pirelli Scorpion MTR 245/70 R17 Divulgação
Diferencial traseiro pode ser ativado por botão no console fotos de Divulgação
Linha 2020 conta com conjunto de iluminação dianteiro exclusivo com lampadas superbrancas, mais potentes que as tradicionais halógenas Divulgação
Modelo Troller tem saídas de ar com detalhes em laranja Divulgação
Transmissão automática é a mesma utilizada na Ford Ranger Divulgação
Bancos em vinil tem costuras laranjas e logo alusiva a versão bordado Divulgação

Comentários