José Bonifácio, candidato a Prefeito de Cabo Frio pelo PDT  - Imagem de internet
José Bonifácio, candidato a Prefeito de Cabo Frio pelo PDT Imagem de internet
Por Juarez volotão
Cabo Frio - O candidato a Prefeito do município de Cabo Frio pelo PDT, José Bonifácio declarou ao Jornal O Dia que a cobrança referente aos R$ 11.627.899,65 ( onze milhões, seiscentos e vinte e sete mil, oitocentos e noventa e nove reais e sessenta e cinco centavos) por parte da Prefeitura Municipal de Cabo Frio é ilegal e diz respeito a extinta Procaf. 
José Bonifácio esclarece que sustenta haver nulidade no procedimento, em virtude de ter sido imposta responsabilidade a três ex-prefeitos de Cabo Frio em face ao não recolhimento de impostos pela extinta autarquia PROCAF, que possuía estrutura, diretoria e personalidade jurídica independentes da Prefeitura. Bonifácio esclarece ainda que nunca recebeu qualquer comunicação judicial, e que possui todo o embasamento que prova se tratar de uma cobrança ilegal, que diz respeito a juros de suposta dívida da PROCAF, não se tratando de nenhuma forma de desvio de recurso público, e que, além disso, ainda estaria prescrita. Importante ressaltar que esta ação, por ser de natureza fiscal, jamais poderia render impugnação de candidatura. De todo modo, a validade deste procedimento para atacar a reputação e a honestidade de José Bonifácio é nula.